Você sabe como o vereador é eleito?

Neste domingo (15) milhares de eleitores por todo o país irão escolher os prefeitos e vereadores das suas cidades. O que muitos não sabem é como esses candidatos são eleitos. A vaga de prefeito costuma ser mais clara para os cidadãos, afinal a lógica é de quem leva mais votos ganha. O mesmo não acontece com as eleições para vereadores, que envolvem cálculos e dão muito peso para os partidos políticos.

Presidente, governadores e prefeitos ganha aquele que tiver a maior quantidade de votos. Em municípios com mais de 200 mil eleitores, o vencedor só é decidido após o segundo turno, desde que nenhum candidato obtenha mais de 50% dos votos totais.

Já deputados e vereadores são eleitos proporcionalmente ao número de assentos da Câmara. Neste caso, o partido tem mais peso do que o nome do candidato em si, pois são as legendas que recebem todos os votos.

O cidadão pode escolher se vota nominalmente em um vereador, digitando seu número na urna, ou pode votar somente na legenda do partido, marcando apenas os dois primeiros dígitos.

Em ambas as formas, os votos vão para a legenda. A quantidade de vereadores daquele partido que ocupará de fato as vagas depende de alguns cálculos, chamados quocientes eleitorais.

Como calcular o quociente eleitoral para vereador?

O quociente eleitoral (QE) é a divisão entre os votos válidos apurados e o número de vagas disponíveis em cada município. Desconsiderando as frações que forem igual ou inferior a 0,5, e arredondando para 1, se superior.

 

Porém, para apurar se um vereador será eleito ou não, também é preciso entender o quociente partidário (QP). O QP é a divisão entre o resultado do QE e os votos válidos que cada partido obtiver. Ou seja, na eleição proporcional é o partido que recebe as vagas, e não o candidato. Por isso, esse cálculo determinará quantos candidatos poderão ser eleitos por legenda que esteja participando das eleições 2020.

 

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), “estarão eleitos os que tenham obtido votos em número igual ou superior a 10% do Quociente Eleitoral (QE), tantos quantos o respectivo Quociente Partidário (QP) indicar, na ordem da votação nominal que cada um tenha recebido.”

 

Se houver vagas não preenchidas, mesmo com a aplicação do QP e a exigência de votação nominal mínima, as cadeiras serão distribuídas entre todos os partidos que estiverem participando do pleito, independentemente de terem ou não atingido o QE, de acordo com o sistema de médias.

9 vereadores, em municípios de até 15.000 habitantes;

11 vereadores, em municípios de 15.000 a 30.000 habitantes;

13 vereadores, em municípios de 30.000 a 50.000 habitantes;

15 vereadores, em municípios de 50.000 a 80.000 habitantes;

17 vereadores, em municípios de 80.000 a 120.000 habitantes;

19 vereadores, em municípios de 120.000 a 160.000 habitantes;

21 vereadores, em municípios de 160.000 a 300.000 habitantes;

23 vereadores, em municípios de 300.000 a 450.000 habitantes;

25 vereadores, em municípios de 450.000 a 600.000 habitantes;

27 vereadores, em municípios de 600.000 a 750.000 habitantes;

29 vereadores, em municípios de 750.000 a 900.000 habitantes;

31 vereadores, em municípios de 900.000 a 1.050.000 habitantes;

33 vereadores, em municípios de 1.050.000 a 1.200.000 habitantes;

35 vereadores, em municípios de 1.200.000 a 1.350.000 habitantes;

37 vereadores, em municípios de 1.350.000 a 1.500.000 habitantes;

39 vereadores, em municípios de 1.500.000 a 1.800.000 habitantes;

41 vereadores, em municípios de 1.800.000 a 2.400.000 habitantes;

43 vereadores, em municípios de 2.400.000 a 3.000.000 habitantes;

45 vereadores, em municípios de 3.000.000 a 4.000.000 habitantes;

2 thoughts on “Você sabe como o vereador é eleito?

  • 16 de novembro de 2020 em 00:43
    Permalink

    Chama-se a isso de democracia, somos obrigados a votar em VAGABUNDOS dandolhes altos salários e mordomias para que nos proximos quatro anos eles nos roubem na forma da lei.

    Resposta
  • 16 de novembro de 2020 em 00:45
    Permalink

    Chama-se a isso democracia, somos obrigados a votar em VAGABUNDOS dando-lhes altos salários e mordomias para que nos proximos quatro anos eles nos roubem na forma da lei.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 + quatro =