Vítima de bala perdida em Santa Rosa era policial civil

Foi identificado o homem que morreu, atingido por uma bala perdida, durante troca de tiros entre policiais militares e criminosos, na noite dessa terça-feira (27). A vítima é Marcelo dos Santos Dias Cola, policial civil. De acordo com relatos de testemunhas, ele estaria passeando com seu cachorro quando começou o confronto. Ele teria sido baleado no tórax e não resistiu aos ferimentos.

Ele chegou a ser socorrido ao Hospital Estadual Azevedo Lima (HEAL), no Fonseca, Região Norte da cidade, mas não resistiu. Uma mulher, identificada como Juliana Ribeiro de Souza, funcionária de uma padaria próxima ao local do tiroteio, também foi baleada. Ela foi atingida durante o confronto e também socorrida ao HEAL. Ela permanece em observação na unidade de saúde.

Além disso, um suspeito de ter participado do tiroteio, Victor Monteiro Machado, acabou atingido, na região da perna, durante a troca de tiros. Segundo informações dadas por policiais militares à Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá (DHNSG), o homem estava com uma granada nas mãos. Um segundo suspeito de participar do confronto foi preso durante a ação.

Segundo informações da DHNSG, por volta de 21h50min uma viatura do 12º BPM (Niterói) estava se deslocando para abastecimento pela Rua Dr. Mário Viana quando, na esquina com a Avenida Almirante Ary Parreiras, viram dois carros, sendo um Honda City e um Hyundai HB20, fugindo em alta velocidade. Os carros teriam sido roubados momentos antes, no Túnel Charitas-Cafubá.

Durante a perseguição, na esquina das Ruas Noronha Torrezão e Vereador Duque Estrada, em Santa Rosa, o HB20 bateu em um ônibus. Os policiais tentaram montar um cerco e afirmam terem sido atacados a tiros pelos criminosos. Já o Honda City conseguiu fugir em direção ao bairro do Cubango. O corpo de Marcelo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) da cidade, no bairro do Barreto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.