Viradouro faz homenagem para Paulo Gustavo

As homenagens para Paulo Gustavo, que morreu na terça-feira (4) vítima da Covid-19 não param. A agremiação de Niterói, Unidos do Viradouro, lamentou a morte do comediante. Em comum com a Viradouro, Paulo Gustavo ostentou o orgulho de ser de Niterói e de elevar o nome da cidade para o mundo.

A Viradouro divulgou uma nota que ‘lamenta profundamente a morte do ator Paulo Gustavo. Niteroiense que enchia de orgulho os moradores de nossa cidade, o artista – um dos grandes humoristas da nova geração -, além de ter desfilado na nossa escola, levou, em 2007, seu espetáculo ‘Minha mãe é uma peça’ para apresentar à nossa comunidade. A diretoria da Viradouro pede a Deus que conforte a família e amigos neste momento tão triste. E que Paulo Gustavo siga por um caminho de muita luz”.

Amigos de profissão do artista também prestaram suas homenagens.

A produção do comediante Paulo Gustavo confirmou que o corpo do ator será cremado amanhã, quinta-feira (6) em uma cerimônia restrita a familiares e amigos próximos. A nota ainda frisou que o local não será divulgado para não ter aglomeração. A Prefeitura de Niterói decretou luto de três dias e pede que hoje, dia 5, uma corrente de energia seja emanada às 20h com um minuto de aplausos em forma de homenagem.

Paulo Gustavo foi internado no dia 13 de março na UTI do Hospital Copa Star, no Rio de Janeiro, com Covid-19 e faleceu ontem, dia 4 de maio, às 21h12min por complicações da doença. E estava internado em estado grave, passou por diversos procedimentos mas não resistiu à gravidade da contaminação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + 18 =