Vice de Rodrigo Neves recorre a impugnação

Anderson Carvalho

A juíza Daniela Ferro Affonso Rodrigues Alves, da 140ª Zona Eleitoral de Niterói, indeferiu o pedido de registro do deputado estadual Comte Bittencourt (PPS) como vice na chapa do prefeito e candidato à reeleição, Rodrigo Neves (PV). O motivo é que não foi entregue a documentação completa no envio de documentos à Justiça Eleitoral, no pedido de registro. Segundo a sentença, faltou a Certidão da Justiça Federal de 1º grau, do domicílio do candidato. A juíza notificou o parlamentar a contestar a impugnação em sete dias. Tinha sido dado a ele o prazo de 72 horas para apresentar o documento.

Eis a notificação da juíza: “De ordem do(a) Excelentíssimo(a) Senhor(a) Daniela Ferro Affonso Rodrigues Alves, Juiz(Juíza) Eleitoral da 140 Zona Eleitoral – Niterói, notifico Vossa Senhoria para, querendo, contestar, no prazo de 7 (sete) dias, a impugnação ao pedido de registro de sua candidatura, ao cargo de Vice-prefeito, cuja cópia segue anexa, nos termos do art. 4º da lei Complementar n.º 64/90, c/c a art. 40 da Resolução TSE nº 23.455/2015”.

Procurado, Comte explicou que a assessoria da campanha já está resolvendo a questão. “Um documento não foi entregue a tempo. Já providenciamos o envio. Logo, o problema será resolvido”, informou.

Comte entrou no lugar do vice-prefeito Axel Grael (PV), que no último dia 13 tinha sido impugnado na chapa devido ao fato de estar inelegível, pois tivera contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado relativo ao período que presidira o Instituto Estadual de Florestas (IEF), em 1991 e ele ainda não quitara o débito de R$ 34.016,17 com o Estado. O pedido de registro da chapa de Neves ainda está sendo analisado pela Justiça Eleitoral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *