Vereadores de SG criam Frente em Defesa das Barcas para o município

Raquel Morais –

Vereadores de São Gonçalo lançaram a Frente Parlamentar em Defesa das Barcas. O grupo quer conseguir tirar do papel o projeto de implantação do transporte aquaviário no município, ligando-o a Niterói e ao Rio de Janeiro. Se aprovado o projeto inclui a estação de embarque e desembarque na Praia das Pedrinhas com possibilidade de atendimento para 50 mil gonçalenses diariamente.

O vereador Lucas Muniz, autor da indicação legislativa (Nº1881/2019), comentou o projeto. “O grupo foi formado para discutir sobre a questão do transporte aquaviário para a cidade. Os coletivos de São Gonçalo são péssimos e a população carece de una transporte público de qualidade”, contou. O parlamentar ainda frisou que a estação será feita na Praia das Pedrinhas e que beneficiaria cerca de 50 mil pessoas que saem de São Gonçalo todos os dias para Niterói e Rio de Janeiro. “Teremos um desenvolvimento na cidade além da economia de tempo no deslocamento. Isso está ligado a qualidade de vida”, completou.

O presidente da Frente, vereador Jamir Junior, também comentou a densidade populacional de São Gonçalo. “Tem [a população] apenas um meio de transporte, o ônibus. Precisamos melhorar a mobilidade urbana da nossa cidade, com políticas públicas coerentes, debatidas com a população. Por isso, a criação dessa frente parlamentar, para ouvir a todos e fazer essa ponte com os poderes executivo e judiciário”, destacou.

Segundo a Câmara dos Vereadores, a Frente Parlamentar será composta por sete parlamentares e terá duração de 120 dias, podendo ser prorrogada por igual período. Além de Lucas e Jamir, integram a Frente: Alexandre Gomes, Gilson do Cefen, Maciel, Misael, Natan, Salvador Soares e Vinícius.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *