Verão terá mais chuva e menos dias quentes

A partir da 1h19min deste domingo (22) a estação mais quente do ano chega ao país, mas diferente dos longos dias de calorão, como no ano passado, a meteorologia prevê uma estação com temperaturas mais amenas e com chuvas mais volumosas. A previsão é de dias com mais mormaços do que de sol forte, mas não se engane, o termômetro pode bater os 40ºC.

De acordo com o Climatempo, a chuva e as nuvens das frentes frias e da Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) vão roubar muitas horas de sol das praias do Estado em janeiro e fevereiro. De todo o verão, março deve ser o mês com mais dias com sol forte, com prováveis recordes de calor. Mesmo assim, há previsão de passagem de uma forte frente fria. O verão termina no dia 20 de março de 2020.

“Esta semana o verão já deu uma prévia. O carioca gosta muito de sol, mas trabalhar com o ‘maçarico ligado’ é bem difícil. Se tiver mais dias com temperaturas amenas vai ser um alívio para nós”, contou Amanda Neto, de 31 anos.

Operação Verão nas praias

No mesmo dia que começa a estação mais quente, o Corpo de Bombeiros dá início à Operação Verão 2020. Até março, mais de 1,3 mil guarda-vidas vão se revezar na orla fluminense, garantindo um reforço de cerca de 50% no efetivo, intensificando o monitoramento das praias e o socorro às vítimas. Além dos novos equipamentos, a operação também contará com o apoio de lanchas e drones.

“Este ano, nossos guarda-vidas já realizaram aproximadamente 12 mil salvamentos. A maioria deles, no verão, quando as temperaturas sobem e há expressivo aumento do número de frequentadores nas praias do Estado. O planejamento estratégico adotado pela corporação nesta época tem como objetivo reforçar o atendimento e estimular a conscientização da população a fim de evitar afogamentos. É fundamental que as pessoas sigam as recomendações e obedeçam à sinalização, evitando riscos durante o banho de mar”, explicou o coronel Glauco Lorite, comandante das atividades de Salvamento Marítimo do Corpo de Bombeiros.

Em relação aos salvamentos, de acordo com a corporação, o quartel de Itaipu, em Niterói, foi o terceiro que mais realizou salvamentos em 2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze − 3 =