Vendas em Niterói para Dia das Mães apresenta queda

Raquel Morais –

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Niterói (CDL Niterói) apontou que as vendas do período do Dia das Mães apresentou queda de 5,5% nas compras com cartão de crédito. Já nas compras a vista a redução foi de 5%. Segundo vice presidente da CDL Niterói, Luis Vieira, os niteroienses ficaram com medo do endividamento e optaram por produtos mais baratos, além de pagamento a vista.

“Essas operações de crédito no ano passado caíram 16% em relação a 2015. Então na verdade houve uma melhora em termo de vendas a crédito, uma recuperação. Esse é um sintoma de que as coisas estão melhorando”, comentou.

O representante do órgão apontou também que teve uma tendência de opções de presentes mais baratos, que girou de R$ 30 a R$ 50.

“Agora é levantar a poeira e começar os preparativos para o Dia dos Namorados, outra data que movimenta o comércio”, completou.

Em termos nacionais o Serviço Central de Proteção ao Crédito (Boa Vista SCPC) foi mais otimista e apresentou alta de 1,6%. Esse foi o primeiro ano desde 2015 que os resultados foram positivos, já que em 2015 o recuo foi de 1,2% e em 2016 4,6%. A melhora é decorrente, principalmente, de um recuo na inflação e de uma tendência gradativa de queda nos juros.

“O resultado negativo com menos intensidade que em 2016, reflete a tendência de desaquecimento das vendas no varejo observado desde o ano passado, em virtude do cenário econômico desfavorável, com crédito mais caro, inflação ainda elevada e altas taxas de desemprego”, analisou o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro. “Ainda assim, vemos uma desaceleração na queda do volume de vendas, indicando que os piores momentos da crise já passaram”, completou.

Tabela de vendas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 − cinco =