Vela: Martine Grael e Kahena Kunze estão a um passo do ouro

Tóquio 2020

O Brasil está muito perto de conquistar um inédito bicampeonato olímpico na vela. A equipe feminina da classe 49er FX, da niteroiense Martine Grael com a paulista Kahena Kunze, terminaram a fase de classificação em primeiro lugar após 12 regatas. Elas foram campeãs nos Jogos Rio 2016.

Neste sábado (30), três regatas foram realizadas na Baíade Endoshima. As brasileiras não foram bem na primeira regata e terminaram em 12° lugar. Mas elas se recuperaram na regata seguinte. Ficaram em 2° lugar na segunda regata. E em 10° na terceira.

Apesar de duas colocações intermediárias, as principais adversárias das brasileiras foram mal nas regatas, possibilitando o salto das brasileiras da terceira para a primeira posição, com 70 pontos perdidos. Em seguida, vem a Holanda, com 71 pontos. E em terceiro a Alemanha, com 73 pontos perdidos.

Elas então classificadas para a regata da medalha , que vale o dobro de pontos e acontece na segunda-feira (2). Ainda estão classificadas a Espanha (78 pontos) , Grã-Bretanha (81), Argentina (88), Estados Unidos (88), França (96), Noruega (96) e Singapura (97).

O 5° lugar na regata final garante ouro para as brasileiras, desde que cheguem na frente de Holanda, Alemanha, Espanha e Grã-Bretanha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 7 =