Vasco joga bem, mas empata e é eliminado

Em uma partida muito movimentada, o Santos conquistou a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil ao empatar por 2 a 2 com o Vasco, nesta quarta-feira (21), em São Januário. Como venceu o duelo de ida, os paulistas avançaram na competição de mata mata e vai conhecer seu adversário após sorteio na CBF.

O Vasco tentou pressionar o Santos nos primeiros minutos em busca do gol. No entanto, os santistas logo impuseram seu toque de bola e em um contra-ataque rápido abriu o placar aos 11 minutos. Thiago Maia cruzou pela esquerda, Martín Silva saiu mal e viu Copete finalizar para a rede.

Os vascaínos chegaram ao gol aos 24 minutos. Junior Dutra fez boa jogada pela direita e cruzou para Nenê chutar cruza do, sem chance para Vanderlei. Com o passar do tempo, o Santos conseguiu segurar as boas jogadas do Vasco. Os cruzmaltinos continuavam tendo mais posse de bola, mas erravam muitos passes e quase buscavam as jogadas aéreas viam a zaga paulista tirar o perigo. Assim, o duelo foi para o intervalo com a igualdade no placar em São Januário.

No segundo tempo, o Vasco continuou tendo mais posse de bola, mas sem levar perigo ao Santos, principalmente pelo excesso de passes errados. Quase tinha a bola, os visitantes trocavam muitos passes para diminuir o ritmo da partida. O Santos conseguiu equilibrar o jogo e desperdiçou grande chance aos 23 minutos. Os paulistas aproveitaram rouba da de bola no meio e chegaram na área com facilidade. Copete recebeu passe na pequena área, mas Martín Silva se esticou para salvar os cruzmaltinos, que responderam em grande estilo no minuto seguinte. Nenê cruzou pela direita, Gustavo Henrique não cortou o perigo e viu Thalles dar de cabeça ara Ederson colocar na rede. O gol fez a torcida inflamar em São Januário. Com isso, o Vasco voltou a pressionar e desperdiçou grande chance aos 30 minutos.

Quando o Vasco buscava o terceiro, tomou uma ducha de água fria aos 37 minutos. Em contra-ataque rápido, Joel cruzou rasteiro e o zagueiro Rodrigo, ao tentar cortar a bola, colocou na própria rede. Os vascaínos reclamaram muito de falta em Allan no início da jogada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze − 3 =