Urnas eletrônicas começam a ser inseminadas

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) realiza, até 3 de outubro, as cerimônias de inseminação e lacração das urnas eletrônicas que serão utilizadas nas Eleições Gerais 2018. Ao todo serão inseminadas 38.698 urnas eletrônicas, das quais 4.675 (12%) de contingência, ou seja, para utilização em caso de eventual necessidade de substituição. O procedimento está ocorrendo nos 27 polos de cargas de urnas eletrônicas no estado do Rio, sendo 19 no interior e 8 na capital.  

O trabalho de inseminação das urnas consiste em alimentar os equipamentos com as informações sobre eleitores e candidatos. O procedimento é aberto ao público e deverá ser acompanhado por juízes eleitorais, promotores de Justiça, integrantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), além de representantes de partidos, coligações e candidatos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *