UFF recebe verba de R$ 18 milhões para concluir construção de campus

Alan Bittencourt

Seis deputados federais da bancada do Rio de Janeiro destinaram recursos de emenda de bancada, no total de R$ 18 milhões, para a Universidade Federal Fluminense (UFF), com o intuito de complementar os recursos para a continuidade das obras no novo campus em Campos dos Goytacazes, no norte do estado. Esse montante se soma a outros R$ 20,17 milhões de reais que foram destinados à empresa vencedora da licitação realizada no ano passado.

A verba complementar para o término da construção do Campus Universitário XV de Novembro visa a construção dos dois prédios com sete pavimentos. A obra está prevista para durar 15 meses. O principal articulador com os parlamentares para a UFF receber as verbas foi o deputado Chico D’Angelo (PDT), que alocou sua cota integral de recursos, assim como fizeram também os deputados Talíria Petrone (PSOL) e Jorge Braz (Republicanos). Christino Aureo (PP) fez um aporte de R$ 1,2 milhão. Já Alessandro Molon (PSB) e Clarissa Garotinho (PROS) alocaram R$ 1 milhão, cada.

“O campus da UFF no município de Campos tem uma história longa, que vem desde o meu o primeiro mandato. Participei das negociações para a cessão do terreno, que pertencia à Rede Ferroviária Federal. Agora, a obra está a pleno vapor e vai ser concluída com o aporte das emendas de bancada. A universidade poderá oferecer diversos cursos”, disse Chico D’Angelo.

O parlamentar afirmou que conseguir os R$ 18 milhões foi obra de muita negociação com outros deputados.

“Conseguir emenda de bancada é fruto de uma costura muito grande, mas chegamos num acordo. Articulei essa verba e os outros cinco deputados foram importantes para a UFF receber a verba. Estou muito orgulhoso do meu mandato servir à Educação, tão maltratada nos tempos atuais”, afirmou.

Para Chico, conquistar a verba foi de suma importância para a universidade.

“Esta emenda desafoga a UFF, que poderá assim realocar outros recursos para outras atividades. O papel da UFF é de relevância na Educação do Brasil. A emenda é o reconhecimento da importância da universidade para o país”, afirmou o parlamentar.

O reitor da UFF, Antonio Claudio Lucas da Nóbrega, festejou a aprovação da emenda parlamentar.

“Gostaríamos de agradecer novamente a sensibilidade e o compromisso da Bancada do Rio de Janeiro com a educação. Trabalhamos arduamente no relacionamento institucional com os deputados federais para a liberação desses recursos que eram fundamentais para a finalização das obras no segundo semestre de 2021. Nos adiantamos para dar segurança ao calendário de construção e felizmente tivemos nosso pedido contemplado. Agradeço muito a liderança e generosidade do Chico D’Angelo e também o valioso e determinante apoio dos deputados Taliria, Jorge Braz, Christino, Molon e Clarissa, assim como a colaboração novamente esse ano do prefeito de Campos, Wladimir Garotinho que catalisou esse movimento ano passado”, agradeceu Antonio Claudio.

O reitor afirmou que, com os novos recursos recebidos, o calendário da obra será cumprido. Na opinião dele, isso impactará diretamente na sociedade de Campos.

“São ventos de esperança de notícias boas muito necessárias. Com os dois prédios em funcionamento, ofereceremos instalações ideais para aumentar a produção acadêmica da comunidade e o número de atendimentos gratuitos à população, tais como as consultas realizadas no Serviço de Psicologia Aplicada e os acompanhamentos promovidos pelo curso de Serviço Social, a fim de gerar o bem estar físico, psicológico e a redução de situação de risco, para as comunidades menos favorecidas, o que tem alcançado resultados bastante positivos e o reconhecimento, pelos usuários, de um bom atendimento. Importa também valorizar o impacto econômico positivo causado pelo empreendimento com geração de emprego, renda e arrecadação de tributos”, detalhou o reitor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 2 =