UFF recebe mais de R$ 1 milhão do MEC

O Ministério da Educação liberou, nesta semana, o montante de R$ 12,27 milhões em recursos financeiros às instituições federais de ensino do Rio de Janeiro vinculadas à pasta. Os recursos serão aplicados na manutenção, custeio e pagamento de assistência estudantil, entre outros. Desse montante, R$ 1.843.407 foram repassados à Universidade Federal Fluminense, R$ 5.240.759 à Universidade Federal do Rio de Janeiro, R$ 1.607.090 à Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, R$ 1.008.257 à Fundação Universidade do Rio de Janeiro, R$ 50.790 ao Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES), R$ 569.592 ao Colégio Pedro II, R$ 563.572 ao Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca, R$ 588.100 ao Instituto Federal do Rio de Janeiro e outros R$ 797.371 destinaram-se Instituto Federal Fluminense.

No total, foram liberados R$ 132,71 milhões para instituições de todo o país. A maior parte dos valores, R$ 97,63 milhões, será repassada às universidades federais, incluindo repasses para hospitais universitários. Já a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica receberá R$ 34,64 milhões. O restante, R$ 440 mil, será repassado ao Instituto Nacional de Educação de Surdos (Ines), ao Instituto Benjamin Constant (IBC) e à Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj).

Este ano, o MEC autorizou o repasse de R$ 611,86 milhões para as instituições federais brasileiras vinculadas à pasta, incluindo o que foi destinado ao pagamento de despesas das universidades e institutos federais, do Instituto Nacional de Surdos, do Instituto Benjamin Constant e da Fundação Joaquim Nabuco. Somente para o estado do Rio de Janeiro, já foram repassados R$ 62,44 milhões ao longo do ano de 2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

doze + seis =