Troca de tiros termina com suspeito morto em Niterói

Um homem morreu, na tarde de hoje (9), durante tiroteio com policiais militares, na Comunidade do Caniçal, em Piratininga, Região Oceânica de Niterói. Até o momento, a identidade do suspeito não havia sido identificada.

De acordo com a Polícia Civil, uma equipe do Grupamento de Ações Táticas (GAT) do 12º BPM (Niterói) estava em patrulhamento pela região. Nesse momento, os policiais afirmam que um tiro foi disparado em direção à equipe.

Os policiais militares alegam terem entrado na comunidade em busca do autor do disparo. Ainda segundo os militares, a equipe do GAT foi recebida a tiros e revidou, dando início ao confronto, que aconteceu na Rua Godofredo Justo, nas adjacências do Cafubá.

Durante o tiroteio, um rapaz negro, de aparentes 18 anos, sem identificação, acabou baleado e não resistiu aos ferimentos. A PM afirma ter encontrado uma pistola, que foi apreendida, ao lado do corpo. De acordo com a PM, um segundo envolvido foi preso na ação.

A equipe de perícia da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá (DHNSG) foi acionada por volta de 13h. Os agentes realizaram perícia no local e a especializada fez o registro da ocorrência como auto de resistência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − oito =