TRE cassa diplomas de prefeita e vice-prefeito de Saquarema

Wellington Serrano –

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) cassou os diplomas da prefeita de Saquarema, Manoela Ramos de Souza Gomes Alves (Manoela Peres), e do vice-prefeito Pedro Ricardo de Carvalho Oliveira. Eles são acusados de benefício e ato de abuso de poder econômico, além de uso indevido de meios de comunicação durante a última campanha eleitoral.

Segundo informações, diante da decisão em primeira instância, a Justiça determinou nesta quinta-feira (15) sanções de inelegibilidade por oito anos seguintes à eleição de 2016 aos envolvidos, que vão recorrer da decisão.

O TRE não informou se os políticos poderão recorrer sem deixar o cargo. Por meio de nota, a defesa da prefeita disse que Manoela Peres recebeu com serenidade a sentença de primeira instância proferida pelo Juiz Eleitoral de Saquarema, entretanto tem plena convicção de que a decisão será reformada quando da análise pelos Tribunais Eleitorais superiores.

A nota informou ainda que “os fatos que deram origem ao processo datam do início do ano de 2016, quando sequer a Sra. Manoela era candidata, tendo relação com matérias jornalísticas veiculadas pelo Jornal Radar de Saquarema, sobre políticos da região, que anteciparam denúncias comprovadas posteriormente pela Operação Lava Jato, não tendo a Sra. Manoela nenhuma ingerência sobre as publicações de um veículo de comunicação, que possui liberdade de expressão garantida pela Constituição”.

A nota afirma também que a prefeita permanece no cargo exercendo todas as suas funções, na certeza de que a Justiça Eleitoral confirmará a vontade expressa pelo voto da população Saquaremense. A defesa informou que a resposta vale também em nome do vice-prefeito Pedro Ricardo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 15 =