Tráfico de drogas não tem lockdown

O decreto municipal que implementou medidas mais rígidas de combate e controle ao coronavírus determinou o fechamento de diferentes tipos de comércio, na cidade de Niterói, a fim de conter a propagação da doença. Todavia, o tráfico de drogas se mantém em plena atividade. Ao longo da última semana, houve diversos casos de prisões de suspeitos de tráfico e apreensões de material entorpecente na cidade.

O coronel Sylvio Guerra, comandante do 12º BPM (Niterói), atribui o funcionamento das “bocas de fumo” à demanda de usuários, que, mesmo com as medidas restritivas, permanece. De acordo com Guerra, o batalhão segue atento à pratica criminosa e permanece com seu efetivo normal de patrulhamento.

“Enquanto tiver usuários existirá bocas de fumo abertas, apenas com horários diferenciados. O patrulhamento permanece normal e quando solicitado para eventos não autorizados nos decretos, vamos em apoio”, explicou Sylvio Guerra.

Cruzada contra o tráfico

Na noite de domingo (28), Um tiroteio terminou com um suspeito de tráfico morto, no bairro Viçoso Jardim, Zona Norte de Niterói. Durante a ação, drogas foram apreendidas. Segundo informações do 12º BPM, uma equipe que estava em patrulhamento pela Estrada do Viçoso Jardim, esquina com Travessa São José, encontrou homens armados, que teriam disparado contra a equipe. Os policiais revidaram, iniciando o confronto. Após o tiroteio, um suspeito, de 22 anos, foi encontrado baleado.

Em ação no bairro São Lourenço, na noite de terça-feira (30), mais dois suspeitos de tráfico foram presos. Segundo o batalhão, policiais do Grupamento de Ações Táticas (GAT) estavam em patrulhamento pela Avenida Washington Luís, quando desconfiaram de três homens. Os agentes conseguiram abordar os suspeitos. Com o trio, foram encontrados, segundo contabilizado pelo batalhão, 125 pinos de cocaína e um rádio transmissor.

Já na quarta-feira (31), dois homens e um menor de idade foram detidos, com drogas, no bairro do Engenho do Mato. Agentes do GAT estavam em patrulhamento pela Avenida José Côrtes Júnior, quando encontraram quatro rapazes em atitude suspeita. Eles foram revistados e drogas foram encontradas. Um deles, por falta de provas, acabou liberado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × um =