Traficantes ameaçam jovem por alistamento no exército

A ameaça a vida de um jovem de 18 anos é investigada por agentes da delegacia do Centro de Niterói. A vítima foi cercada por traficantes da comunidade do Zulu, em Santa Rosa, descontentes com o seu alistamento no exército. Morador da localidade desde o seu nascimento, o jovem tem por sonho seguir na carreira militar. Quando teve que realizar o pagamento de uma taxa devido a um atraso no seu alistamento, o rapaz comentou na última sexta-feira (30) sobre o fato com um até então amigo e a informação chegou aos criminosos. O caso foi registrado na 76ª DP (Niterói) hoje (4) pela manhã.

A vítima foi abordada enquanto voltava para a residência onde mora na comunidade. De acordo com o jovem, foram três homens que praticaram o crime de ameaça contra ele quando o mesmo seguia pela Rua Alarico de Souza. Os criminosos disseram que se o rapaz “quisesse continuar a morar lá deveria esquecer esse negócio de exército”. Senão os acusados teriam que teriam que “passar”o jovem.

A vítima afirmou que parou os seus estudos na 7ª série e via um futuro melhor ingressando no exército. O jovem mora com os pais e três irmãos e decidiu permanecer em casa até a data final do pagamento da multa, hoje.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze + catorze =