Testemunhas da morte de entregador são ouvidas pela polícia

Pessoas que presenciaram a morte do entregador Elias Lima de Oliveira, na última quarta-feira (24), irão prestar depoimento à Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá (DHNSG), na tarde desta segunda-feira (29). A especializada segue apurando as circunstâncias da morte do rapaz.

Segundo fontes ligadas à investigação, serão ouvidas pessoas que testemunharam o momento em que Elias foi baleado, em uma das vias da Comunidade do Palácio, no Ingá, Zona Sul de Niterói. É importante salientar que, na última sexta-feira (26), familiares da vítima prestaram depoimento.

A família acusa policiais militares do 12° BPM (Niterói) de terem efetuado os dois disparos que vitimaram i rapaz. Elias foi sepultado no Cemitério de Maruí, no bairro do Barreto, Zona Norte de Niterói, na tarde de quinta-feira (25).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − três =