Tempo nublado e com chuva até sexta-feira

Raquel Morais

A chuva castigou a cidade de Niterói desde a madrugada e ao longo da segunda-feira. Muitos bairros sofreram com a ação natural e amanheceram com ruas alagadas e lixo espalhado. Na orla de São Francisco, na Avenida Quintino Bocaiúva, a areia de praia se acumulou na pista. Apesar da chuva e tempo nublado, a sensação térmica na cidade foi de calor, com máxima de 27ºC. No Rio de Janeiro o volume de água da chuva ultrapassou os 100 mm, acima do esperado para o mês inteiro.

No Centro de Niterói, Ruas como a Doutor Borman, Saldanha Marinho, Visconde de Sepetiba e Barão do Amazonas apresentaram muitos bolsões de água, que demoraram para escoar. Os motoristas tiveram que usar da generosidade e bom senso para não jogarem água nos pedestres nas calçadas. Em São Francisco, o vento levou muita areia para a pista, o que faz com que motoristas redobrassem a atenção. Na Região Oceânica, a Estrada Francisco da Cruz Nunes, na altura do shopping de Itaipu, as duas faixas de rolamento na pista sentido Centro de Niterói ficaram completamente alagadas.

A expectativa é de que até sexta-feira, 24, a sensação térmica continue quente. Hoje a máxima é de 27ºC e a mínima chega aos 20ºC. Amanhã, dia 22, a máxima continua na casa dos 20º, chegando a 25ºC e a mínima permanece a mesma. Na quinta-feira, 23, a máxima fica em 22ºC e a mínima em 19ºC, com possibilidade de garoar. Já na sexta feira a temperatura mínima permanece a mesma e a máxima sobre para os 27ºC, com aparecimento do sol e poucas nuvens.

TODO O ESTADO

Os temporais também castigaram todo Rio de Janeiro. Segundo a Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração Nacional, o alerta foi para chuvas volumosas e intensas. O aviso foi enviado pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) ao Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad-MI). Ontem o acumulado de chuva ultrapassou os 100 mm.

“A chuva ainda é frequente, variando de intensidade e até o fim do dia há risco de alagamentos, transbordamentos e até mesmo deslizamentos”, avisa a meteorologista do Clima Tempo Aline Tochio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − dezessete =