Teatro Popular Oscar Niemeyer apresenta Festival Black in

O Teatro Popular Oscar Niemeyer apresenta, nos dias 19 e 26 de junho, o “Festival Black in”, com apresentação de DJs, em lives no facebook do Teatro Popular (@teatroniemeyer).

O objetivo é promover a diversidade cultural, por meio da integração entre música, poesia e arte de rua, unificando coletivos e produtores culturais da cidade em um mesmo espaço para difusão da cultura de periferia.

Além do “Festival Black in”, o TPON oferece, em junho, uma série de programações virtuais, como tour virtual, entrevistas sobre o futuro das artes cênicas depois da pandemia, Sarau dos Outros – com música dança e poesia –e palhaçaria.

PROGRAMAÇÃO FESTIVAL BLACK IN:

19 de junho, às 20h

 Black in : Bobzilla

Formato: Video (aprox. 20 min)

Há dois anos, nascia a Gangzilla, um coletivo de artistas pretos de São Gonçalo, região metropolitana do Rio de Janeiro, com um objetivo em comum: levar a cultura hip-hop a todo lugar. Dando início onde tudo começou, sua cidade natal, Gerson Poubel, conhecido como Bobzilla, aos 27 anos , se consagra como DJ , produtor cultural e criador do movimento Gangzilla, mostrando dentro e fora da cidade que “o mundo é diferente da ponte pra cá “, como bem disse Mano Brown, e que, em São Gonçalo, se faz arte e se produz cultura.

Bob, que faz da arte a sua vida há 11 anos, sendo dois destes como DJ, acredita na alegria de viver daquilo que ama, por isso , empreendeu na arte de acreditar. Já trabalhou com arte circense, além de atuar em outras cenas musicais que hoje refletem diretamente na sua música, como o funk e demais gêneros da Black music.

Atualmente, além da atuação direta na Gangzilla, como produtor, idealizador e DJ, Bob leva o nome da sua cidade para outros territórios.

Para Bobzilla, a arte e a cultura hip-hop foram caminhos de autoestima e aceitação. E hoje, com a Gang, ele leva essa mensagem através da música.

26 de junho, às 20h

Black in: NaímaAlli

Formato: Video (aprox. 20 min)

NaímaAlli é artista independente nascida no Rio. Cantora, atriz, roteirista, produtora, modelo, compositora, percussionista, ritmista, bailarina. Dona de uma voz forte, marcante, e estonteante, é apaixonada pela arte e música em especial. Iniciou sua carreira já muito cedo e em Dezembro de 2019 lançou Zara, seu primeiro single, pela gravadora O Quarto. Esse som chegou para destruir qualquer barreira e se tornar um hino para todas as minas, manas e monas! Também é para todos aqueles que em algum momento foram tirados de sua liberdade de falar e ser. ZaraKitembo é uma saudação ao orixá Tempo. O Tempo cura, e Zara é a voz de todos nós!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *