Taxistas querem proibir Uber e 99 em Niterói

Wellington Serrano –

Cerca de 400 taxistas compareceram na tarde de terça-feira à Câmara Municipal de Niterói para a audiência pública sobre transporte individual de passageiros. Eles querem a proibição da circulação de motoristas do aplicativo Uber no município. Ou, pelo menos, a regulamentação do serviço e também a criação de um aplicativo exclusivo aos taxistas de Niterói e que seja o único usado na cidade. A audiência foi presidida pelo vereador Leonardo Giordano (PcdoB).

“O poder municipal fez um decreto para regulamentação do transporte individual de passageiros feito por aplicativos e houve mobilização tanto por parte dos motoristas de outros aplicativos quanto dos taxistas de Niterói. Por isso, a Câmara da cidade resolver realizar duas audiências públicas, no último dia 15 fez uma audiência com os motoristas de aplicativos e hoje (terça-feira) realizou uma audiência com os taxistas”, disse Giordano.

Segundo ele, a audiência foi bastante prestigiada.

“A gente segue ouvindo as lideranças de classe e estiveram presentes os membros do governo, através da Procuradoria. Ouvimos as reivindicações que tem a ver com a regulamentação municipal, que já é determinação da Legislação Federal que aconteça na cidade especialmente sobre a quantidade de frota e organização do trânsito e esse momento de reflexão vai gerar uma devolutiva do governo aos motoristas que vão em seguida terem respondidos os seus questionamentos”, declarou o vereador Leonardo.

Para o presidente do Sindicato dos Taxistas de Niterói e Região, Celso Wermelinger, a audiência foi muito bem comandada e conduzida.

“Tudo que foi conversado antes foi posto em prática na audiência graças à competência dos vereadores. O encontro foi feito para buscar melhorias para a mobilidade urbana de Niterói em cima dos taxistas, porém o que mais se viu na audiência foi a vitória da população porque o niteroiense não suporta mais esse trânsito caótico. Então, tendo essa regulamentação desses seis mil carros de aplicativos temos certeza que o povo da cidade vai ganhar com isso”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *