Subtenente da PM é executado em serviço

Um subtenente da Polícia Militar foi morto, durante serviço, na manhã desta quarta-feira (8), no Rio de Janeiro. De acordo com informações da corporação, o agente Rogério da Silva Brandão foi executado por um criminoso, em um automóvel, na Avenida Nazaré, em Anchieta.

O subtenente Brandão era lotado no 41°BPM (Irajá) e estava na corporação há 26 anos. O agente deixa esposa e duas filhas. A PM lamentou, em nota, a morte do militar. “Lamentamos profundamente a morte do subtenente Rogério da Silva Brandão, morto em serviço na manhã de hoje, após ser baleado na cabeça por um criminoso”.

Ainda de acordo com a PM, o policial chegou a ser socorrido ao Hospital Albert Schweitzer, mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo. De acordo com testemunhas, o atirador estava em um veículo vermelho quando realizou os disparos e fugiu.

Após o crime, agentes do batalhão, com apoio do Grupamento Aeromóvel (GAM), realizaram buscas no Complexo do Chapadão, na tentativa de encontrar o criminoso que atirou contra o subtenente. O veículo, um Toyota Hillux Vermelho, foi localizado na Rua Nelson Meireles Neto, em Guadalupe, por equipes da polícia.

Após o assassinato do policial, equipes do 41º BPM reforçaram o policiamento na região de Anchieta, especialmente na Avenida Nazaré. Até o fechamento deste texto, o assassino não tinha sido localizado. Não foram divulgadas informações sobre velório e sepultamento do agente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × um =