Soldado preso em Jurujuba teria ligação com tráfico do Salgueiro

Augusto Aguiar –

Policiais da Delegacia de Combate às Drogas (DCOD), através de investigação e informações de inteligência, identificaram que o soldado do Exército Matheus Ferreira Lopes de Aguiar, lotado no 21º Grupo de Artilharia e Campanha, em Jurujuba, Niterói, se comunicava diretamente com Marcos Antônio Jacinto da Silva, conhecido como Biscolé. De acordo com informações dos agentes, Marcos Antônio é braço direito do chefe do tráfico de drogas no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, identificado como Thomaz Jhayson Vieira Gomes, o 2N, para o qual repassava informações acerca das operações realizadas pelas forças de segurança, em conjunto com as forças armadas.

Ainda segundo os agentes, Biscolé possui diversos Mandados de Prisão em aberto pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas, porte ilegal de armas de fogo de uso restrito e teve a prisão decretada na investigação da DCOD que apura os referidos vazamentos de informação. Em virtude da alta hierarquia no tráfico de drogas do Complexo do Salgueiro e na facção criminosa atuante na localidade, as informações privilegiadas eram rapidamente difundidas pelo criminoso para as outras comunidades que seriam alvo das incursões. As investigações continuam em andamento para identificar outros envolvidos e a unidade conta com o apoio da Companhia de Inteligência do Comando Militar do Leste (CML).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um + dez =