Sócios e funcionários fazem protesto no clube Tamoio

Um grupo com cerca de 50 pessoas se reuniu em frente à sede social do Clube Tamoio, na Av. Presidente Kennedy, Zé Garoto, São Gonçalo, na manhã desta sexta-feira (22), para protestarem contra a decisão judicial que determinou a entrega do imóvel aos novos proprietários.

Entre os participantes, o protesto contou com a presença de sócios, funcionários, locadores e frequentadores do clube.
Durante toda manhã, vários sócios se dirigiram ao local em buscas de informações sobre a situação do clube.

Protesto interditou faixas da Av. Presidente Kennedy

Alguns, inclusive, estavam apreensivos e demonstravam preocupação porque tinham alugado o clube para realização de eventos, como no caso da vendedora Aline Martins, 43 anos, que alugou o espaço para realização da festa de aniversário de 8 anos de sua filha, que seria comemorado no clube, no próximo dia 6 de novembro.

“O aniversário da minha filha é daqui há duas semanas e eu tinha alugado o salão do clube Tamoio desde setembro, com pagamento à vista e eu não sabia dessa liminar. Agora, estou há duas semanas do aniversário de minha filha sem um salão para realizar a festa”, desabafou emocionada a vendedora, informando, também, que teve o valor pago pelo aluguel do salão restituído durante encontro com o presidente do clube, na manhã de hoje.

Emocionada, a vendedora Aline Martins precisará buscar outro local para realizar a festa de aniversário de sua filha

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 5 =