Sobe para três o número de detentos mortos por Covid-19, um deles de Niterói

A Secretaria Especial de Administração Penitenciária (Seap) confirmou, na manhã dessa sexta-feira (01), que mais dois detentos morreram nos últimos dois dias, em decorrência de terem sido testados positivos para Covid-19 em presídios do estado. Com isso o número de pacientes fatais subiu para três. Um dos pacientes era detento do Instituto Penal Coronel PM Francisco Spargoli Rocha, no bairro São Lourenço, em Niterói.

O órgão esclareceu que já havia informado que um terceiro detento já havia falecido dias atrás também em decorrência da doença. A unidade penal situada no bairro São Lourenço concentra detentos condenados com mais de 60 anos de idade e tem capacidade para cerca de 60 internos. O outro paciente que faleceu era do Instituto Penal Cândido Mendes, no Centro do Rio, que também abriga condenados com mais de 60 anos.

A Seap também acrescentou que outros seis detentos, oriundos do Instituto Penal Benjamim de Moraes Filho, no Complexo de Gericinó, na zona Oeste do Rio, também apresentam sintomas do novo coronavírus, e estão isolados sem receber visitas, e se comunicam por telefone.

Em apuração…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × três =