Shows e dança marcam os 207 anos de Maricá

Os 207 anos da cidade de Maricá serão comemorados de forma diferente, com uma programação de seis dias de lives, com música gospel, samba, MPB e teatro. Organizada pela Prefeitura de Maricá, através das secretarias de Cultura e Turismo e da Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar), a programação será transmitida pelas redes sociais da Prefeitura (Facebook e Youtube) e terá início nesta terça-feira(25).

No primeiro dia, coincidindo com o Dia do Evangélico, as apresentações começam às 17h com o show da banda Promessas, em seguida Efésios, Ministério Mav, Priscila Ribeiro, Ana Paula, Jaciara, Sara Sabino e terminará às 21h45 com Joel Cordeiro.

Já amanhã (26), dia do aniversário de 207 anos do município, as apresentações começam às 16h e a festa vai rolar até às 23h35. Na abertura do dia, o público terá a apresentação da Orquestra Popular Raul de Barros. Às 16h50 o show continua com Erick dance, Patrick Magia do Riso, Cia Teatro Mágica, Jorginho Doug, Moniquinha Ângelo, Mamuttes, Betinho Bahia, Rose Lima, Douglas Kaly, Roahn Victor, Larangeiras e para o encerramento do dia, Rafael Caçula.

A criançada não foi esquecida nesta festa, na quinta-feira (27), a programação tem início às 17h, com teatro dos bonecos, seguido pela Companhia de Artes Lídia Maria, Banda Roller Coaster, Lalinha, Mirene Alves, Manhoso, Thunder Rock, Kontagio, Junior Vila Real, Mistura 021, Paul Rock e para finalizar, às 23h25 Marianna Cunha assume o palco até 00h05.

Na sexta-feira (28), Patrick Truque de Comédia dá o pontapé nas apresentações às 17h, seguido por Mussum, Dança Contemporânea, Dança Afro Solo Natureza do Ser, Dança Urbana Solo Mazelas, Raquel Fonseca e Dida Show, Luís Fernando Estrela, Samba Pra Valer, Tatudoemcasa, Trio Acústico 3, Maurício MW, Jô Borges e para finalizar o show de Agne, que começa às 23h25 e vai até 00h05.

No sábado (29), Leandra Robledo e Banda abrem o show às 17h, seguida pela apresentação de Zé Farinha o Palhaço Mágico, Poesias Homenagem a Manoel Lago, Bruna Mendes, Mayara, Samba, Wagner Mariano, Vivi Serrano, Edinho Manhoso, Thiago Dantas e para finalizar a noite, Bruno de Berner até as 00h.

Para fechar o último dia de live, no domingo (30), as apresentações começam mais cedo. A partir das 15h, com Dança do Ventre, seguido por Dança Cigana, Jazz Contemporâneo, Luiz Barreto, e a festa continua com os integrantes do carnaval da cidade, começando pelo Foguete, União de Maricá, Inocentes de Maricá, Azul e Branco, Flor do Imbassaí, Tradição de Maricá, Herdeiros, Sacos de Flores, Acadêmicos de Araçatiba, Acadêmicos do Caxito e para finalizar, às 22h30 Cortes de carnaval finalizam as comemorações.

A transmissão de shows pela internet servirá também para reiterar a mensagem de que a pandemia ainda não acabou e que os cuidados sanitários necessários ainda devem ser mantidos por todos, como o isolamento social, o uso de máscaras em locais públicos ou ambientes coletivos e o uso de álcool gel com frequência.

Para o secretário de Cultura Sady Bianchin, esse evento tem entre seus objetivos trazer felicidade não só a população, mas também à classe artística que foi bastante prejudicada pela pandemia. “Pensar cultura é pensar em cidadania e a arte é um instrumento de transformação social, então nesse momento a gente precisa trabalhar essa questão. Somente a arte pode nos abraçar nesse momento que estamos vivendo. A arte e a música chegam até a gente via on-line e pode fazer esse encontro ser uma forma de dialogar com a cidade”, afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 3 =