SG ganha Centro de Monitoramento em Saúde

A Secretaria de Saúde de São Gonçalo dá mais um passo para o acompanhamento, a nível nacional, da pandemia do coronavírus e outras doenças. O Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs) está instalado e faz parte do projeto chamado “Fortalecimento da Rede Nacional de Vigilância, Alerta e Resposta às Emergências de Saúde Pública” do Ministério da Saúde. O objetivo é monitorar as doenças e traçar estratégias de políticas públicas em conjunto para melhorar os resultados. A rede é composta apenas por municípios com mais de 500 mil habitantes e alguns de fronteira internacional.

O Cievs foi instituído pela Portaria n° 30, de 7 de julho de 2005, com a finalidade de fomentar a captação de notificações, mineração, manejo e análise de dados e informações estratégicas relevantes à prática da vigilância em saúde, além de unir mecanismos de comunicação avançados.

“Inauguramos o centro de monitoramento de leitos e fizemos o convênio com a universidade de Toronto para avaliarmos, cientificamente, o nosso painel epidemiológico, não só do covid-19, mas de outras doenças. Hoje, a nossa cidade é a única no Estado do Rio de Janeiro a contar com essa análise precisa”, explicou o secretário de Saúde de São Gonçalo, Dr. André Vargas.

Na prática, a implantação do sistema ajuda no monitoramento e na análise das informações relacionadas aos agravos e acontecimentos emergenciais em saúde pública de forma a desencadear ações para prevenção, combate e tratamento de doenças de forma oportuna.

“O Cievs é de grande importância para o município de São Gonçalo, principalmente para a saúde da população. Podemos trabalhar as informações referentes à saúde com outros departamentos, não só dentro, como fora da Secretaria Municipal de Saúde, contribuindo para um trabalho de prevenção de doenças e agravos de saúde”, explicou Gláucia de Oliveira, coordenadora da Vigilância Epidemiológica.

A equipe do Cievs de São Gonçalo é composta por profissionais da Vigilância Epidemiológica e uma equipe de apoio multiprofissional, que monitora os dados diariamente. Conforme demanda e necessidade, a equipe se reúne para discussão do cenário e implantação de ações. Toda a instalação do Cievs foi feita com apoio do Ministério da Saúde, que tem comunicação direta com todos os envolvidos na rede através de conferências e videoconferências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + 10 =