Seringas começam a ser distribuídas no Rio

O Governo do Estado do Rio de Janeiro deu início na manhã desse sábado (16) à distribuição das seringas e agulhas, parte do primeiro lote de 5,5 milhões de seringas descartáveis, aos municípios. Ao todo estão sendo disponibilizadas nesse sábado 3.346.800 de seringas descartáveis de 3ml com agulha para 30 cidades; e a previsão é que em quatro dias todos os 92 municípios recebam.Os lotes saíram da Coordenação Geral de Armazenagem (CGA), que fica em Niterói, mas o destino desses materiais no sábado não foi informado. Sobre a vacina e as seringas o governador Cláudio Castro explicou os procedimentos.

“Ontem [sexta] eu falei com Pazuello [ministro Eduardo Pazuello] sobre a questão da vacina. Ele disse que até terça-feira (19) tem uma posição oficial de quando chega. Tem a questão do avião sair da Índia para chegar aqui. Ele disse que até segunda, no máximo terça, teria a posição de quando chega e também a quantidade de cada estado para distribuir para os municípios”, contou.O secretário de Estado de Saúde, Carlos Alberto Chaves, falou sobre a importância da organização de distribuição dos insumos. “Esse plano de distribuição está sendo operacionalizado desde o momento em que recebemos as seringas. Hoje [sábado], estamos fazendo as primeiras entregas. Todos os caminhões estão cadastrados, com destino e identificação de quem vai recebê-los. Esse é um trabalho muito sério que estamos acompanhando de perto”. Destacou.A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou ter 8 milhões de seringas em estoque e deverá receber um outro lote em fevereiro.

A pasta também reforçou que esses materiais devem ser usados exclusivamente para a vacinação contra a Covid-19. A mega-operação para realizar a entrega do material contará com o apoio da SES, da Polícia Militar, que dará suporte com 17 comboios fazendo a escolta dos veículos da SES que levarão as seringas para as cidades, além do reforço do Viagem Segura, policiamento que cobre as rodovias estaduais e federais. Cem policiais militares participarão diariamente da ação, que será monitorada pelo Centro Integrado de Comando e Controle (CICC).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.