Sem luz, sem aulas e cheios de prejuízos

Raquel Morais

Um poste pegou fogo no início da manhã de ontem na Rua Almirante Teffé, no Centro, assustando pedestres e moradores que passavam pela via. Por conta das chamas, a energia precisou ser cortada e comerciantes ficaram no escuro. Parte da calçada ficou interditada pelos bombeiros e energia só foi restabelecida cinco horas depois.

O incêndio começou por volta das 7h30min em um transformador que fica em frente ao Colégio e Curso Progressão. Estudantes se assustaram com as chamas, que cessaram antes dos militares chegarem. Não se sabe a origem do incêndio, mas técnicos da Ampla apostaram em um curto circuito. “Trabalho com alimentação e bebidas, mas como trabalhar, em plena quarta-feira, sem eletricidade? É um problema grande para o empresário quando acontece uma situação dessa”, comentou o dono do VRC Gourmet, Valdeci Rodrigues, de 51 anos.

O Corpo de Bombeiros esteve no local do incêndio com o Auto Bomba Tanque, mas não precisou ser utilizado. “Quando chegamos o fogo já tinha
acabado. Prestamos assistência até o caminhão da Ampla (agora Enel) chegar e assumir a situação. Ninguém ficou ferido, mas tivemos que isolar parte da calçada”, explicou um militar.

“Eu já tinha visto um poste pegar fogo quando estava muito calor e realmente não entendo o motivo dessas chamas. Foi de manhã bem cedo e as lojas da calçada e da região nem estavam abertas para ter uma sobrecarga”, especulou um aluno que preferiu não se identificar.

A Enem confirmou a falha de energia e que o fornecimento foi normalizado às 13h24min. A distribuidora apura as causas do ocorrido.

TRANSFORMADOR EXPLODE
No fim da tarde, um transformador de energia elétrica explodiu no Centro de Niterói deixando varias ruas sem luz. O acidente ocorreu na esquina das ruas Almirante Teffé e Aurelino Leal.Segundo comerciantes do local, faíscas foram observadas saindo do transformador ao longo do dia e mais tarde dois estouros puderam ser ouvidos, assustando os clientes das lojas e pedestres que passavam pela esquina. Além disso, há relatos de que um fio de alta tensão teria se rompido e atingido um carro que passava na Rua Almirante Teffé, assustando os ocupantes do veículo, que foi abandonado no meio da rua. Outra via que ficou sem luz foi a Travessa Alberto Vitor, próximo ao local das explosões, a Guarda Municipal precisou ir até o local para organizar o trânsito. A TRIBUNA apurou ainda que a falta de energia também atingiu o Plaza Shopping, que retomou suas atividades cinco minutos depois.

A Enel disse que o problema do fornecimento de energia foi normalizado para cerca de 90% dos clientes que tiveram o serviço interrompido no início da noite. Equipes isolaram o trecho em que a rede foi danificada e técnicos trabalham para fazer os reparos necessários. A distribuidora apura as causas do ocorrido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × três =