Segurança no Carnaval de Niterói será discutida após confusões

No primeiro fim de semana de Carnaval em Niterói, muitos casos de confusões foram registrados no entorno do Teatro Popular, onde um número maior de foliões que o esperado se reuniram. No próximo domingo (24), um dos maiores blocos de Niterói vai ganhar a rua, a Banda do Ingá. Por conta disso, esta semana forças de segurança e governo municipal se reúnem para rever as estratégias dos próximos eventos.

De acordo com testemunhas, neste domingo, a maior parte da confusão se deu fora do Teatro Popular. Eram esperados 15 mil pessoas no Bloco Vou Zuar, mas a estimativa foi pequena perto do número de pessoas. Um dos piores casos foi o de uma adolescente, de 16 anos, que foi mordida no pescoço após negar as investidas de um outro jovem. Guardas municipais conseguiram deter o agressor, que foi conduzido para Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente de Niterói (DPCA), onde o caso foi registrado. Isso levou, inclusive, a Prefeitura de Niterói a se manifestar nas redes sociais, repudiando a agressão e enfatizando que “Não é Não”.

Além disso, na reunião que acontece nesta terça-feira (19) é discutido a presença dos ‘super-blocos’ que vão desfilar em Niterói. Um exemplo é o Sargento Pimenta, que inclusive já destacou Niterói na sua agenda e marcou o desfile para o dia 3 de março na cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 5 =