Secretário estadual diz não à municipalização do Complexo Caio Martins

Após reportagem de A TRIBUNA, na qual o prefeito Rodrigo Neves (PDT) declarou que irá ao encontro do governador Wilson Witzel (PSC), nesta semana, para tratar sobre a municipalização do Complexo Esportivo Caio Martins, o secretário de Estado Esporte, Lazer e Juventude, Felipe Bornier (PROS), manifestou o seu posicionamento quanto à matéria publicada na última sexta-feira (29), que fala sobre o bem esportivo do Estado que está sobre sua gestão e deu a sua posição: “Não é do interesse do Governo do Estado que o equipamento seja entregue ao município de Niterói”, declarou.

O secretário ressaltou que já no período de transição de Governo, realizou algumas intervenções para a melhoria do espaço. Como a iluminação das três quadras externas, a colocação do toldo em toda a área da piscina, instalação de bebedouros e a reativação do serviço médico da Cruz Vermelha, que estava desativado há cinco anos.

“Agora, em abril, iniciaremos as obras de revitalização em todo o complexo. A piscina que está fechada desde 2018, por exemplo, será um dos pontos de ação. Além do telhado do ginásio, reformas nas salas e nos vestiários e no campo”, revelou.

Segundo ele, o Caio Martins é muito importante para o Estado e deve receber a atenção que merece. “Estive no equipamento para conhecê-lo e identificar os problemas e, ainda na transição, realizamos algumas melhorias. No próximo mês vamos dar início às obras de revitalização para entregar o Caio Martins para a população com todos os seus espaços funcionando”, reforça Felipe Bornier, secretário de Esporte, Lazer e Juventude do Estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *