Secretário de Direitos Humanos de Niterói será premiado na ONU

Em comemoração aos 77 anos da Organização das Nações Unidas (ONU), a entidade irá realizar a pedido dos países que compõem a unidade a Sessão “Geração ODS: Moldando a Década À Frente”, no dia 17 de março, na sede da organização, em Nova Iorque.

Convidado para representar os países da América Latina, o secretário de Direitos Humanos de Niterói, Raphael Costa, vai receber a premiação por seu trabalho à frente de ações humanitárias.

Presidente da ONU, Mona Juul reiterou, através de carta enviada a Raphael, a importância do seu trabalho humanitário no Brasil e no exterior. “Estamos felizes em informar que sua nomeação como representante da América Latina foi aceita. Nesta oportunidade, os jovens líderes receberão uma honra pelos esforços humanitários e defesa dos direitos humanos. O tributo se deve à sua atuação em ações nacionais humanitárias no Brasil e Moçambique e ações regionais na América Latina e África, bem como seu serviço em humanos organizações de direitos e no Poder Público”.

Formado em Direito pela Universidade Federal Fluminense (UFF), Raphael tem experiência profissional em organizações de Direitos Humanos, como a Caritas Interationalis e a Children and Youth International, e trabalhou na Comissão de Assuntos Humanitários na ONU. Além de Moçambique, já trabalhou em ações humanitárias no Chile. Atualmente, o jovem exerce o cargo de secretário de Direitos Humanos de Niterói.

Sobre a representação da América Latina na Sessão da ONU, Raphael demonstrou surpresa e gratidão pelo convite. “Estou grato e surpreso por representar a América Latina nessa sessão. É um incentivo para que mais jovens comprometam-se na luta pela justiça social e pelo desenvolvimento sustentável”, ressaltou.

Além de Raphael, outros representantes de outras nações estarão presentes. Segundo a carta enviada pela ONU, a participação na Sessão dará a oportunidade diversificada de se engajar e compartilhar ideias com uma comunidade de líderes de todo o mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.