Secretaria de Saúde confirma primeiro caso de coronavírus no Rio

O Rio de Janeiro registrou o primeiro caso confirmado de coronavírus ontem, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES). Este é o oitavo caso confirmado do Brasil, sendo seis em São Paulo e um no Espírito Santo. De acordo com o secretário de Estado de Saúde, Edmar Santos, a paciente tem 27 anos e reside em Barra Mansa, no Sul Fluminense. Ela esteve em viagem pela Europa. A mulher passou pela Itália, entre os dias 9 e 23 de fevereiro.

Na Região Metropolitana, assim com no País, os casos suspeitos também aumentaram no últimos dias. Enquanto na segunda-feira eram nove, até ontem, já foram registrados 18 casos suspeitos. Niterói que estava com sete casos no início da semana agora possui 11, São Gonçalo que na terça-feira tinha um caso, passou para três ontem, assim como o município de Maricá. Já Itaborai continua com um caso desta a última quarta-feira (4).

O número de casos suspeitos de coronavírus na quarta-feira era de 55 no Estado do Rio No boletim de ontem, o número foi atualizado para 79.

“Todos podem continuar absolutamente tranquilos, não tem nenhum sinal que o vírus circule no Estado do Rio de Janeiro. Esse é um caso importado”, afirmou Edmar Santos em entrevista coletiva, na tarde de ontem, no Palácio Guanabara.

Ainda de acordo com o secretário, a paciente infectada está em isolamento domiciliar e apresenta sinais brandos do vírus.

“Todos os contatos dela com familiares, esposo e outros estão sendo supervisionados pela subsecretária de vigilância em saúde. Ela permanecerá em isolamento até o dia 20 de março”, disse Santos.

Sobre o caso confirmado de Barra Mansa, o voo que a trouxe a mulher ao país já foi identificado, e o Centro de Informação Estratégica em Vigilância e Saúde (Cievs) da SES já entrou em contato com a Anvisa para localizar passageiros que sentaram ao redor dela na aeronave com destino ao Brasil. Segundo a SES, a vítima deu entrada com sintomas num hospital local no dia 1º de março e, no dia seguinte, realizou a coleta para exames. O Laboratório Central Noel Nutels (Lacen-RJ) recebeu o material no último dia 2, e no dia seguinte emitiu laudo. A Fiocruz também recebeu amostra e confirmou o caso suspeito ontem.

“Desde janeiro a SES vem se preparado para a chegada do vírus. No dia 27 daquele mês, emitimos nota técnica sobre o novo coronavírus e, dias depois, apresentamos um plano de contingência, que define todas nossas ações a respeito da doença”, explicou o secretário.

O secretário de Saúde reforçou ainda que técnicos da SES vão acompanhar o comportamento do vírus no Hemisfério Sul, grau de transmissibilidade e letalidade. Edmar Santos ressaltou que todas as ações e medidas seguidas estão de acordo com o plano de contingência da SES, que é alinhado com protocolos do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Comerciantes de Niterói disponibilizam álcool em gel

Comerciantes de Niterói estão preocupados e investem em itens de proteção para funcionários e clientes. Recipientes de álcool em gel são abastecidos diariamente pelos funcionários e a população aprova essa medida. Farmácias, shoppings e restaurantes são alguns desses empreendimentos e a Câmara de Dirigentes Lojistas de Niterói (CDL-Niterói) orienta essa prática.

O presidente CDL-Niterói, Luiz Vieira, explicou que existe a recomendação para que os estabelecimentos comerciais de Niterói tenham álcool disponível para funcionários e clientes.

“A gente quer contribuir para prevenção do vírus, porém não é obrigatório. É uma orientação por uma questão própria de visibilidade do cliente e demonstrando que estamos preocupados com uma questão de saúde pública”, frisou.

Wellington Oliveira, vendedor de uma drogaria no Centro, disse que a farmácia sempre teve o vidro de álcool em gel para os clientes, mas que com o medo do coronavírus essa proteção está sendo cada vez mais utilizada.

“As pessoas estão usando demais. Estão querendo se higienizar cada vez mais. Não temos mais álcool em gel nas prateleiras para vender e isso está virando mesmo um hábito”, frisou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − 12 =