São João Cultural no Museu Janete Costa de Arte Popular

Tem São João no Museu Janete Costa de Arte Popular? Tem sim senhor! E pela primeira vez! Será o São João Cultural, nos dias 23 e 24 de junho, sábado e domingo, entre 10h e 18h, com entrada gratuita. Os interessados já podem separar seus trajes caipiras para curtir a festa, que vai reunir diversas atrações musicais, comidas típicas, fogueira, dança de quadrilha, brincadeiras regionais e, claro, muita arte com a exposição em cartaz.

Companhia Roseira D’Água – Grupo formado por arte-educadores, brincantes, dançarinos, músicos, artistas pesquisadores das tradições e costumes do Brasil, amantes das manifestações da cultura popular brasileira e dos ensinamentos dos mestres mantenedores dessas culturas. O público vai curtir uma roda cultural com ritmos de Coco e Ciranda de Pernambuco, Toadas de Bumba-meu-boi e Cacuriá do Maranhão.

Ricardo A. Gadelha – Espetáculo Solo Protocolo – Indicado a todas as idades, o espetáculo mescla teatro, palhaçaria, malabares, perna de pau e comédia visual. Busca, por meio desta conexão estreita entre o artista e o espectador estabelecer uma atmosfera de jogo, entusiasmo e troca.
Cirandas do São João e as Três Virgens do Fundo Mar: uma narrativa cantada com os sons do maracatu, coco, xaxado, baião e a grande ciranda. Os ritmos e canções da cultura popular pernambucana são trazidos ao público junto com as mitologias, poesias, literatura de cordel, emboladas, que enaltecem a sabedoria do mar cantadas na música popular brasileira. Enaltece ainda a ligação do sertão com o mar, do nordeste e do sudeste, destacando a história dos mestres da cultura popular pernambucana.

Cozinhando Boas Histórias – Cristina Pizzotti leva ao Museu Janete Costa o mito indígena “A Árvore de Tamoromú”, abordando alimentos, tradições indígenas, plantio, literatura, nutrição e culinária. Durante a contação, os alimentos surgem como uma forma de aventura, pois cada sabor narrado é levado para a plateia para aguçar a curiosidade do participante e envolvê-los com os personagens da história. Depois, as crianças participam da “Oficina Gustativa”, com o preparo coletivo de “Escondidinho de Chicória”, receita saudável, com simples dicas culinárias, que tornam a receita fácil e rápida.

Cocairé – Apresentação da oficina Cocairé, que acontece aos sábados no Museu, com percussão, danças regionais brasileiras e ritmos de Pernambuco, Maranhão, Rio e Bahia, como coco, maracatu, bumba-boi, samba de roda, jongo entre outros.
Malí – show acústico – voz, violão e cajon. Cantando Marilia Mendonça, Anitta, Alceu, Maria Rita, Zeca Baleiro, Ludmila.

Duo Carol Rocha e Daniel Arm – A dupla surgiu a partir do Projeto Profissão Viajante, uma experiência itinerante, que abre o baú da música popular brasileira, do forró e do samba. O aprofundamento de vivências e afinidades de Carol e Daniel gerou o duo, que agora apresenta um show com músicas autorais e suas influências na MPB e no forró.

Sim, aceito – exposição com 56 obras que traduzem o amor em sua diversidade, revelando a cerâmica do Vale do Jequitinhonha (MG). O público vai poder explorar o imaginário do tema com a representação do casamento na roça e sua riqueza popular, as crendices, as simpatias, além da cultura do interior manifestada nas festas juninas. Esculturas dos santos juninos, especialmente Santo Antônio – o casamenteiro – dividem o espaço com o casal de noivos e a banda de músicos, obras de mestres populares do Nordeste.

O Museu Janete Costa de Arte Popular fica na Rua Presidente Domiciano, 178 na Boa Viagem. Mais informações pelo telefone (21) 2705-3929.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *