São Gonçalo tem fim de semana de aglomerações, festas e shows

Vítor d’Avila

Aglomerações e pessoas sem máscara foram as principais “atrações” de um evento, na noite de sábado (23), em uma casa noturna na Rua Dr. Francisco Portela, Parada 40, em São Gonçalo. No mesmo dia, a cidade registrou nove mortes pelo novo coronavírus, segundo boletim diário, divulgado pela Prefeitura Municipal.

Nas redes sociais, artistas e frequentadores publicaram fotos e vídeos do local. Centenas de pessoas estavam aglomeradas e dispensavam o uso da máscara. Ambos os itens estão entre as principais causas de proliferação da covid-19, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Também por meio das redes sociais, o evento, que teve atrações de pagode, foi anunciado para as 20h. Ainda havia uma promoção, na qual até as 23h era permitida entrada gratuita na apresentação do print do cartaz de promoção da apresentação. Cabe ressaltar que eventos do tipo seguem proibidos, segundo decreto municipal.

A Prefeitura havia proibido a realização de eventos e de qualquer tipo de atividade com presença de público que envolva aglomeração de pessoas, tais como eventos desportivos (profissional ou amador), show, comício, passeata, parques internos e externos, lojas e salas de jogos, espaços de entretenimento e demais atividades que, não permitidas em decreto, acarretem aglomerações.

Ação integrada – Também na noite de sábado, foi realizada uma operação integrada entre secretarias de São Gonçalo em bares e casas de show da cidade, para fiscalizar o cumprimento de medidas contra o contágio da covid-19 e também checar possíveis irregularidades nos estabelecimentos e denúncias sobre aglomeração e som alto. As equipes também coibiram estacionamento proibido.

Foram fiscalizados bares e casas de show na Rua Jaime Figueiredo e na Rua Doutor Francisco Portela. Ao todo, 13 estabelecimentos foram notificados sobre o cumprimento do decreto municipal sobre as medidas de prevenção ao contágio do novo coronavírus e também sobre poluição sonora. Também foram verificadas irregularidades como inspeção sanitária vencida e uso irregular do espaço público com mesas e cadeiras.

Desde o dia 7 deste mês as ações de fiscalização noturna em bares e restaurantes são realizadas, a partir das 21h, de quinta-feira a domingo. Procurada pela reportagem, a Prefeitura confirmou que a casa noturna, onde as imagens foram registradas, foi vistoriada e recebeu notificação dos agentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 − 5 =