São Gonçalo registra 12 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas

Camilla Galeano

A Secretaria Municipal de Saúde de São Gonçalo registrou 12 óbitos em 24horas na cidade. De acordo com o boletim divulgado ontem pela Prefeitura, também foram registrados 292 novos casos e 700 pacientes foram considerados curados da Covid-19 testando negativo em um segundo exame realizado após o período de quarentena.

Até o momento, São Gonçalo contabiliza 35.062 casos confirmados, 32.602 curados, 71 hospitalizados na Rede Pública Municipal de Saúde, 1.349 em quarentena domiciliar e 1.040 óbitos confirmados.

Em comparação com o boletim anterior, divulgado na terça-feira, o número de óbitos era 1.028, com 34.770 casos confirmados.

Os óbitos lançados no boletim de ontem são de datas retroativas, devido ao processo de investigação feito pela Divisão de Vigilância Epidemiológica, com base nos resultados dos testes realizados pelos pacientes.

São Gonçalo é a segunda cidade com maior número de casos fatais no estado e os moradores continuam enfrentando dificuldade na hora de realizar o teste para Covid-19.

Muitos pacientes que buscam os pontos de realização de teste, reclamam da demora no atendimento. De acordo com testemunhas, dezenas de pacientes, de várias idades, acabam ficando numa única fila para realização de uma triagem para saber qual tipo de teste seria submetido.

Algumas pessoas optaram por agendar o exame pelo aplicativo Dados do Bem para não precisarem ficar na fila. Mas não conseguiu. Foi o caso da professora Bárbara Lannes, de 32 anos, que teve contato com pessoas que testaram positivo. Mas de acordo com os dados que forneceu ao aplicativo, recebeu uma resposta negativa par a realização do teste.

“Meu marido e minha sogra testaram positivo. Eu estou há três dias com dor de cabeça e tosse, relatei tudo isso no aplicativo e apareceu que não estou apta para realizar o teste. Eu tive contato com duas pessoas positivadas, não sei mais o que é apto para eles”, desabafou.

Desde o fim do mês de novembro, o município de São Gonçalo, devido ao aumento de casos e a grande demanda por testes para Covid-19 abriu postos de triagem para realização de testes rápidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco + vinte =