São Gonçalo prorroga restrições em virtude da situação de emergência

Em São Gonçalo, a sexta vítima é uma mulher, 77 anos, moradora de Santa Isabel. Ao todo, São Gonçalo contabiliza 1723 casos suspeitos, 115 confirmados, 292 descartados e os outros óbitos são: um homem, 60 anos, Porto Novo; uma mulher, 58 anos, bairro Coelho; um homem, 62 anos, bairro Santa Izabel; uma mulher, 74 anos, bairro Colubandê e outra mulher, 83 anos, bairro Amendoeira.

Com base no Decreto Estadual publicado na última segunda-feira (13), a Prefeitura prorrogou as medidas para enfrentamento da situação de emergência de saúde pública, em decorrência no novo Coronavírus (Covid-19). As restrições aos comércios vigoram até o dia 30 de abril, com possibilidade de extensão, seguindo o prazo estipulado pelo Governo Estadual.

“Toda a população deve colaborar com as autoridades sanitárias na comunicação imediata de possíveis contatos com agentes infecciosos do Coronavírus, circulação em áreas consideradas como regiões de contaminação e manifestação de sintomas característicos (febre, tosse e dificuldade de respirar)”, disse a Prefeitura.

Para o enfrentamento da emergência, poderão ser adotadas as seguintes medidas: isolamento, quarentena, exames médicos, testes laboratoriais, coleta de amostras clínicas, vacinação e outras medidas profiláticas, tratamentos médicos específicos, estudo ou investigação epidemiológica, exumação, necropsia, cremação e manejo de cadáver, requisição de bens e serviços de pessoas naturais e jurídicas, e desapropriação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *