São Gonçalo inicia vacinação para nova faixa etária

Idosos a partir de 80 anos já podem receber a primeira dose do imunizante contra a Covid-19, em São Gonçalo. O município recebeu 14.240 doses da vacina, sendo 11.380 de Oxford/Astrazeneca e outras 2.860 de CoronaVac.

No último sábado (27) foi retomada a vacinação para idosos e profissionais de saúde com mais de 60 anos que trabalham em hospitais da cidade ou que moram em São Gonçalo e atuam em hospitais de outros municípios.

Os idosos poderão se vacinar em oito pontos de vacinação, três deles com drive thru, de segunda a sábado, das 8h às 17h. Para serem vacinados, os idosos devem levar os seguintes documentos: identidade, CPF ou cartão do SUS, comprovante de residência e carteira de vacinação.

Podem se vacinar com a primeira dose, idosos a partir de 80 anos e os seguintes profissionais de saúde com mais de 60 anos, que trabalham em hospitais da cidade ou que moram em São Gonçalo e atuam em hospitais de outras cidades: técnico em radiologia, enfermeiro, técnico e auxiliar de enfermagem, médico, fisioterapeuta, nutricionista, odontólogo, fonoaudiólogo, psicólogo, biólogo, farmacêutico, assistente social, biomédico e auxiliar e técnico de saúde bucal. Os idosos com mais de 90 anos têm prioridade nas filas.

O agendamento para idosos acamados ou com mobilidade reduzida com mais de 80 anos que são atendidos pela Estratégia Saúde da Família (ESF) estão sendo vacinados em suas residências. O agendamento está sendo feito pelos agentes de saúde pessoalmente, assim como os atendidos pelo Serviço de Atendimento Domiciliar (SAD). Parentes e responsáveis por acamados com mais de 80 anos que não são atendidos pelo SAD e pela ESF, podem procurar unidades de saúde mais próximas de suas residências para cadastrar o idoso para receber a vacina em casa.

Quem pode receber a segunda dose

Podem, preferencialmente, tomar a segunda dose da vacina nesta terça-feira (02) e quarta-feira (03), aqueles que receberam a vacina até o dia 5 de fevereiro. Os que tomaram a primeira dose no dia 11 de fevereiro, só devem se dirigir aos pontos de vacinação a partir da próxima quinta-feira (04). Os que foram vacinados com o imunizante Oxford/Astrazeneca devem aguardar o intervalo da vacina, que é de 12 semanas, e ainda não está disponível.

Também recebem a segunda dose, em seus locais de trabalho e residências, os trabalhadores da saúde que atuam em hospitais e postos da linha de frente da covid-19 e idosos em instituição de longa permanência (Ilpis) e residências terapêuticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 + 15 =