São Gonçalo inicia testagem de profissionais de saúde para coronavírus

Depois de várias denúncias de que profissionais de saúde do município de São Gonçalo estão contaminados levando o novo coronavírus para casa, a Secretaria de Saúde municipal iniciou na última segunda-feira (18) providências para a testagem dos que estão na linha de frente enfrentando a doença. A TRIBUNA teve acesso a um ofício do secretário Jefferson Antunes Costas, através do Centro de Triagem de Covid-19 do Zé Garoto, em que ele comunica que os exames do tipo swab (coleta com cotonete) começaram a ser realizados para os servidores.

Os locais são: Polo Sanitário Hélio Santa Cruz, às segundas, quartas e quintas entre 9h às 16h, no Polo Sanitário Jorge Teixeira de Lima, às segundas, quartas e quintas das 9h às 16h e no Polo Sanitário do Rio do Ouro, às seguntas, terças e quintas, das 9h às 16h e não precisa de agendamento.

Segundo documento, a medida, conforme protocolo estipulado pelo Ministério da Saúde, visa garantir a segurança e a saúde dos profissionais e da comunidade. Inicialmente, os testes serão realizados nos servidores após o 10º dia de sintomas como febre, tosse, dificuldade para respirar, coriza, dispneia, entre outros, visto que o exame é teste para analise de anticorpos (Igm/ IgG).

O ofício não fala em quanto tempo o resultado fica pronto. Só pede para que os servidores, devidamente identificados, procurem o enfermeiro da Vigilância Epidemiológica, que fará a notificação dos casos suspeitos para o Covid-19. A medida causou alívio para alguns agentes de saúde que só veem os casos crescerem na cidade.

“Desde o fim de março estamos avisando que nossos servidores estavam sendo afetados e levando a doença para casa por não ter um local para quarentena e não eram casos pontuais. Agora por isso, estamos vendo a doença avançar na cidade através dos que estão na linha de frente. Antes tarde do que nunca o governo iniciou a testagem para aqueles que apresentem algum sintoma para verificar a possibilidade de contaminação. Assim, estamos mais garantido e protegendo de fato a nossa comunidade”, revelou um funcionários que não pode ser identificado.

A Prefeitura informou que recebeu os 40 mil testes rápidos comprados há um mês com o objetivo de agilizar o diagnóstico do novo Coronavírus (Covid-19) e evitar o contágio.

“A testagem está sendo feita de acordo com um cronograma preestabelecido pela Secretaria de Saúde. Neste momento, a prioridade é realizar os testes nos funcionários da área da saúde, que estão na linha de frente, e nos pacientes que apresentam sintomas mais graves da doença”, ressaltou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 + 16 =