Sabores santos do fundo do mar

Raquel Morais –

O período da Quaresma, 40 dias entre a quarta-feira de cinzas e Sexta-Feira Santa, está acabando e a proximidade da Páscoa reaviva alguns hábitos católicos. O período também é conhecido pela restrição à carne vermelha, mas nessa época não há regra para os fiéis. Há quem passe todos os dias comendo apenas peixe, assim como tem muita gente que escolhe a última semana do período para fazer a substituição. Restaurantes aproveitam esse momento para alterar cardápios e apresentar novidades, que vão desde pratos simples com filés de peixes até mesmo o tradicional bacalhau.

No Armazém 106 Gourmet, no Centro, o salmão é servido com molho de laranja agridoce, acompanhado de arroz de açafrão e salada verde, com broto ao pesto. A delícia dos mares é vendida por R$ 35. No Fafelli, no Jardim Icaraí, a aposta gastronômica é uma torta de bacalhau com batata, pimentões e tomate. A iguaria é gratinada no forno e servida com arroz de brócolis e salada de tomate com alface, vendida no buffet por R$ 64,90 o quilo.

Quem prefere um peixe mais leve pode apostar no filé de tilápia do Balada Mix de Icaraí. Ele é servido com molho de ervas finas e risoto de limão siciliano e custa R$ 49,90, com direito a uma entradinha de salada caprese com mussarela de búfala e de sobremesa uma tartelete de limão. No mesmo bairro, o Restaurante Manjericão seguiu a tradição da época e oferece uma posta de bacalhau salteada com cebola e azeitona verde, servida com arroz branco e ovos cozidos. “Esse é um prato tradicional da culinária portuguesa que faz muito sucesso. Muitos clientes gostam dessa pegada mais simples, na qual a estrela do prato é o pescado. Afinal, quem não gosta de um arroz branquinho e fresquinho com um fio de azeite em cima? É um belo acompanhamento”, comentou Fernando Barreira, dono do restaurante, que serve a delícia por R$ 64,90 o quilo no buffet.

Quando o assunto é petisco envolvendo o peixe, o bolinho de bacalhau é um dos ‘belisquetes’ mais pensados, mas não no Bar do Wagner, que fica dentro do Mercado São Pedro, no Centro de Niterói. A porção de lula à doré é uma das queridinhas do empresário Wagner de Souza, ex-goleiro do Botafogo, junto ao famoso e tradicional camarão à paulista. O prato pode ser servido meio a meio e custa R$ 70.

SERVIÇOS
Fafelli
Rua Pres. João Pessoa, 70, Jardim Icaraí
Tel.: (21) 2610-5806

Restaurante Manjericão
Rua Gavião Peixoto, 318, Icaraí
Tel.: (21) 2711-5554

Balada Mix
Rua Dr. Tavares de Macedo, 240, Icaraí
Tel.: (21) 96484-4825

Armazém 106 Gourmet
Rua Doutor Borman, 13, loja 106, Centro
Tel.: (21) 3492-6772

Bar do Wagner
Mercado São Pedro, loja 212, Centro
Tel.: (21) 96419-7432

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete + dezesseis =