Rodoviários passam por testes de Covid-19 no Terminal João Goulart

Nesta terça-feira (9) e quarta (10) médicos do Sindicato dos Rodoviários de Niterói a Arraial do Cabo (Sintronac), a partir das 9h, vão realizar a aplicação de testes gratuitos de Covid-19 para esses trabalhadores. A ação vai acontecer no Terminal João Goulart, no Centro de Niterói, fruto de uma parceria entre o Sindicato das Empresas (Setrerj) e o sistema SEST/SENAT. Ao longo de duas semanas diretores do Sintronac realizaram fiscalizações para garantir a saúde e proteção dos rodoviários, com conferência do uso de máscara nos trabalhadores e também a disponibilidade de álcool em gel para eles e também para passageiros.

Nesta terça-feira (9) está prevista a aplicação de 275 testes e a mesma quantidade para quarta (10).

“Não cabe aos rodoviários impedir a entrada de passageiros ou mesmo obrigá-los a usar as máscaras de proteção. Essa fiscalização é do poder público. Cabe ao sindicato a fiscalização das relações trabalhistas quanto à segurança dos profissionais e, por enquanto, não encontramos problemas. Ainda assim, todos os rodoviários podem procurar o sindicato para fazer denúncias sobre o rompimento dessas relações e a entidade irá agir após apurar os fatos”, afirmou o presidente do Sintronac, Rubens dos Santos Oliveira.

A disponibilidade de álcool em gel, distanciamento entre as pessoas e o uso obrigatório das máscaras são algumas ações que ajudam no combate a propagação do vírus. Mas a cobrança do respeito dessas normativas é de responsabilidade do poder público. As fiscalizações do Sintronac são exclusivamente para acompanhar o trabalho dos funcionários que trabalham nos coletivos.

De acordo com nota do Sintronac ao longo de duas semanas, equipes do sindicato estiveram nesses locais e constataram que as empresas estão cumprindo com suas obrigações para com os trabalhadores, fornecendo máscaras e álcool em gel e higienizando os veículos a cada turno. No entanto, flagrou passageiros embarcando sem máscaras, elevando o risco de contaminação nos ônibus, potenciais vetores de disseminação da doença.

O Setrerj foi procurado para comentar o caso e informou que a testagem acontecerá na loja do Setrerj, no Terminal. Ainda de acordo com o informe as empresas de ônibus se prepararam para fazer o mesmo esquema de higienização que está acontecendo nas linhas municipais, com limpeza total nos veículos, no mínimo, a cada turno, disponibilização de álcool em gel 70% e máscaras para motoristas e despachantes, janelas abertas sempre que possível e displays com álcool para os passageiros no Terminal João Goulart. Mesmo no caso em que os veículos têm as janelas lacradas, um estudo feito pela Marcopolo, empresa fabricante de carrocerias de ônibus, em parceria com a Universidade de Caxias do Sul, mostra que a renovação do ar nos ônibus, de até 63%, é maior do que a exigida em locais como supermercados e agências bancárias, devido ao modelo de carroceria que a maioria possui. Seu desempenho está acima dos padrões exigidos pelas normas da ABNT, e alinhado com as recomendações da OMS e da ASHRAE (Sociedade Americana de Engenheiros de Aquecimento e Ar-condicionado).

DETRO

De acordo com o Detro, o Governo do Estado determinou, por meio do decreto 47.108 o retorno gradual do transporte intermunicipal de passageiros a partir do último sábado (6). A medida visa atender às demandas sociais e econômicas, tendo em vista a flexibilização progressiva do isolamento social adotada por diversos municípios. Deverão operar com ocupação limitada ao número de assentos do veículo as seguintes linhas: que fazem a ligação entre os municípios da Região Metropolitana; entre os municípios do interior do estado; e as de transporte complementar, em qualquer região. De acordo com o decreto, fica vedado o transporte de passageiros em pé.

Já as linhas que fazem a ligação entre a Região Metropolitana e o interior deverão operar com até 50% dos assentos ocupados, nos veículos tipo Rodoviário, e apenas com passageiros sentados, no caso dos veículos tipo Urbano. A fiscalização do cumprimento dessas medidas será realizada pelo Detro, com auxílio das Forças Policiais.

Foto de Rodrigo Campanario

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + 8 =