Niterói cancela eventos de Réveillon e reduz horários de bares e restaurantes

Alan Bittencourt

Em live transmitida do Gabinete de Crise, o prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, afirmou que o Réveillon na cidade está cancelado. Nenhum evento poderá ocorrer na noite do dia 31. A medida foi tomada com o objetivo de conter o aumento do número de casos registrados de Covid-19. Outra ação que a Prefeitura tomará é a volta da restrição do horário de funcionamento de bares e restaurantes.

De acordo com o prefeito, será publicado, ainda esta semana, um decreto municipal com as medidas de restrição.

“Está suspenso qualquer evento relacionado ao Réveillon em Niterói. Não poderá ocorrer qualquer tipo de evento na praia para evitar aglomerações nas praias na noite do dia 31 de dezembro, que é uma data crítica. Será publicada, por meio de decreto, a proibição de evento em casas de festas, bares, clubes e restaurantes, além de eventos com venda de ingressos”, afirmou Rodrigo, que acredita que a vacinação em Niterói acontecerá no primeiro semestre de 2021. “Teremos um ano muito melhor”.

Os bares e restaurantes terão, a partir de desta quinta-feira (10), que fechar mais cedo.

“Em reunião com o Comitê Científico e o Gabinete de Crise, decidimos tomar algumas medidas, que são muito importantes. A partir da próxima quinta-feira (amanhã), vamos retomar a restrição de horários dos bares e restaurantes da cidade. Esses estabelecimentos terão que fechar à meia-noite”, disse.

Indicador síntese
A escalada de novos casos de Covid-19 preocupa todo o Brasil, e em Niterói não é diferente. A Prefeitura está acompanhando de perto o aumento de casos. Com isso, o indicador síntese está em 7.63. Chegando a 10, a cidade entrará no estágio Laranja.

“O indicador síntese integra 12 indicadores relacionados à taxa de transmissão do vírus na cidade, ocupação de leitos, taxa de recuperação de doentes e taxa de letalidade. Permite que possamos ter um monitoramento constante da situação da pandemia em Niterói. Temos hoje uma tendência de alta. O indicador síntese chegando a 10, o município iria para o estágio Laranja, que restringiria as atividades econômicas na cidade, o que ainda não é o caso ainda em Niterói”, afirmou Rodrigo.

Segundo o prefeito, Niterói hoje tem uma taxa de ocupação de leitos Covid em 65%.

“A situação está sob controle, apesar da tendência de alta e da situação da Região Metropolitana do Rio, sobretudo a capital, que vive uma situação de descontrole. O que põe a cidade em alerta máximo, pois Niterói não é uma ilha no contexto da Região Metropolitana do Rio. Precisamos perseverar e seguir unidos”, afirmou Rodrigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 − 4 =