Restaurantes inovam no delivery para não perder clientes

A pandemia do coronavírus mudou radicalmente os hábitos em vários países de todo o mundo. Comércios fechados, ruas vazias e uma gama de empresários que estão inovando para manterem seus negócios em funcionamento. Nesse contexto vale de tudo e os serviços delivery nunca foram tão requisitados. Promoções, entregas gratuitas, brindes e estreitamento nas relações cliente-empresa, são algumas dessas táticas para angariar novos clientes e manter os antigos.

A administradora do restaurante Da Carmine, em Icaraí, Suzanne Lervolino, resolveu inovar para atender os pedidos pelo delivery desde quando teve que fechar o restaurante por conta do isolamento social. Para pedidos acima de R$ 60 a pessoa ganha um pacote de massa fresca.

“A ideia é oferecer uma pasta de presente paraas pessoas. Sabemos por tudo que aconteceu na Itália, estamos acompanhando por familiares, e sabemos das restrições. A culinária italiana faz parte do ‘confortfood’, ou seja, uma comida que acolhe, dá energia e deixa todo mundo feliz. Foi um presente para gente dividir e dar conforto para pessoas que estão em casa longe da gente. Nesse momento que os clientes estão longe da gente, a gente quer estar perto deles o maior tempo possível”, frisou.

A analista de Alimentos e Bebidas da Unidade de Competitividade do Sebrae Nacional, Mayra Monteiro Viana, analisa justamente a importância dessa comunicação com o cliente no período de crise.

“É comum que os consumidores já sigam seus bares preferidos nas redes sociais. Para manter o consumidor engajado, os bares podem realizar postagens de dicas de elaboração de drinksdentro de casa, harmonização com comidas e até mesmo lives de shows em parceria com artistas locais. Essa é uma nova forma de entretenimento, que manterá o cliente por perto”, explicou.

Já a Cantina BuonGiorno, também em Icaraí, está com duas opções de entrega em casa. Todo o cardápio ‘a la carte’ da tradicional casa de massas pode ser pedido através do delivery, além do almoço executivo com pratos mais baratos a partir de R$ 21,90, das 12h30min às 15h30min, sem taxa de entrega na região. Os vinhos da adega também podem ser pedidos com 15% de desconto para pedidos pelo whatsapp da empresa, para aproximar o cliente no período do isolamento social.

E para quem quer inovar no pedido e fugir das tradicionais pizzas e sanduíches a Cervejaria Máfia, que tem fábrica em Itaipu, na Região Oceânica, tem investido na venda de growlers (forma de recipiente) com vários estilos de chope artesanal. O diferencial da marca nessa quarentena é a entrega em casa sem frete.

“Estamos nos adequando à nova realidade. Aumentamos a quantidade de garrafas envasadas, que têm saído no lugar dos barris, próprios para eventos maiores. O objetivo é manter o padrão de qualidade do nosso produto e entregar na casa do cliente”, finalizou a empresária Verônica Fialho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × um =