Rede municipal de ensino de São Gonçalo sofre com falta de professores

Anderson Carvalho –

As aulas na rede pública municipal de São Gonçalo começam no próximo dia 25, mas várias turmas poderão ficar sem aulas. Isso porque há um déficit no quadro de profissionais que pode chegar a 25%, segundo estimativa do Sindicato Estadual dos Profissionais de Ensino (Sepe) – Núcleo São Gonçalo. A entidade tenta se reunir com o secretário municipal de Educação e cobra a realização de concurso público.

“No ano passado já havia um déficit de professores. Com a convocação agora das prefeituras de Niterói, Maricá e do Rio, vai aumentar ainda mais, passando de 500. O que significa cerca de 25% do quadro total de professores, em torno de dois mil em 104 unidades escolares. A prefeitura tem até o dia 23 para resolver isso, se não, vai começar o ano letivo e cerca de 300 turmas não terão aulas, porque não tem professor”, alertou Maria do Nascimento, uma das coordenadoras do Sepe-São Gonçalo.

De acordo com ela, o governo deveria ter prorrogado o concurso de 2016, mas, prometeu fazer outro. “A maioria dos professores faz dupla regência e dobra o horário. Sendo chamados para outras cidades, vão preferir sair daqui. Poderiam ter prorrogado o concurso e chamado mais profissionais, mas não quiseram”, contou Maria.

O Sepe tem tentado se reunir com o secretário municipal de Educação, Marcelo Azeredo, para discutir o assunto desde o último dia 22, quando a reunião foi cancelada. Marcou-se outra para o dia 29, que também foi desmarcada.

Procurada, a Secretaria de Educação informou que o concurso público está em análise pela pasta, mas, existe a previsão de ser realizado até o final deste ano. Sobre a reunião, acrescentou que a agenda está sempre disponível para o Sepe ou qualquer pessoa que queira agendar para tratar de qualquer assunto pertinente à educação. A reunião com o sindicato foi cancelada em função de um compromisso que o secretário teve que cumprir na prefeitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *