Queda de 27,78% dos gastos com apps de transporte durante pandemia do coronavírus

A Mobills, startup de gestão de finanças pessoais, analisou dados de mais de 47 mil usuários do aplicativo Mobills entre os meses de janeiro e setembro de 2020, e constatou que os gastos com os principais aplicativos de transporte (Uber e 99) tiveram queda de 27,78%, em média, na comparação entre o primeiro e o nono mês deste ano.

No início da quarentena no Brasil os serviços de transporte particular tiveram uma queda 23,42% em comparação a fevereiro. No mês de abril, com o incentivo da maioria dos Estados para o isolamento social, a queda aumentou para 43,20% na comparação entre abril e março. Já o mês de maio atingiu o pico mais baixo nos gastos com Uber e 99, totalizando uma diferença de 71,73%, na comparação entre maio e janeiro. O mês de junho apresentou um aumento de 26,98% em relação a maio, e em julho 38,92% a mais em comparação com junho. Já em agosto os gastos continuaram demonstrando crescimento, no total 28,78% a mais do que o valor acumulado em julho.

Em setembro o aumento foi um pouco menor, registrando 12,43% mais do que agosto. Apesar do crescimento, os gastos com aplicativos de transporte em setembro são cerca de 27,78% menores, do que o valor registrado em janeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × cinco =