PT resolve lançar Quaquá a deputado federal

Anderson Carvalho –

Depois de ter o nome cogitado para disputar eleição para o Governo do Estado ou o Senado, o presidente regional do PT e ex-prefeito de Maricá, Washington Quaquá, vai ser lançado candidato a deputado federal. O objetivo é que ele seja um “puxador de legenda na Câmara dos Deputados, principalmente da bancada fluminense, fortalecendo a sigla do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no pleito de outubro. Na última sexta-feira, o PT confirmou a notícia, após o atual prefeito de Maricá, Fabiano Horta, defender esta semana o nome de seu antecessor para representar o município em Brasília.

“O partido vai lançar o diplomata Celso Amorim, ex-ministro das Relações Exteriores durante o Governo Lula, para disputar o cargo de governador. Também não quero atrapalhar a reeleição do senador Lindbergh Farias. Vou tentar vaga de deputado federal para reforçar a bancada. Temos quatro deputados federais pelo estado do Rio de Janeiro e 47 ao todo”, contou Quaquá, que governou Maricá de 2009 a 2016 e elegeu o então deputado federal Fabiano Horta como seu sucessor. Em 2014 tinha apoiado a candidatura dele à Câmara. Antes ele era presidente da Câmara de Vereadores.

Horta declarou esta semana à imprensa que Quaquá na Câmara dos Deputados também vai garantir à cidade a devida importância que Maricá tem assumido no cenário nacional e na cadeia produtiva do pré-sal.

Hoje o único representante de Maricá em Brasília é o deputado federal Marcelo Delaroli (PR), maior adversário político de Quaquá e crítico das administrações petistas.

Paulista na sucessão estadual – Celso Amorim nasceu em 3 de junho de 1942 no município de Santos (SP), mas, mora desde 1979 na cidade do Rio de Janeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × cinco =