Campanha arrecada 800 kg de ração para instituições protetoras de animais

Ao todo, a campanha alcançou mais de 350 cães e 150 gatos assistidos por instituições da região

Uma ação promovida pelo Programa Animal Legal, de Cabo Frio, lançou, na semana passada, uma campanha para arrecadar ração para animais abandonados que são cuidados por instituições protetoras de várias cidades da Região dos Lagos. A ação contou com o apoio de empresários de Saquarema, Araruama, Cabo Frio, Rio das Ostras e Maricá. Em apenas 3 dias de campanha, a campanha já conseguiu arrecadar mais de 800 kg de ração para gatos e cachorros.

As instituições beneficiadas pela campanha são: Projeto Gente Boa Pra Cachorro (Maricá); Vera Lúcia Protetora (Araruama); Projeto Amigos Pet (Saquarema); Denise Nascimento Protetora (Rio das Ostras); Arca Animal (Saquarema). Cada projeto recebeu 150 kg de ração canina, com exceção da instituição Denise Nascimento Protetora, que recebeu ração Felina. Além disso, cada instituição recebeu 10 unidades de “GranPlus Sachês” (uma espécie de complexo vitamínico indicado no tratamento de animais debilitados) e 1 kit de higiene.

Nas redes sociais, a apresentadora do Programa Animal Legal, Patrícia Nunes, lembra que “Juntos conseguimos fazer muito mais, as pessoas e animais precisam de apoio”, afirma. As instituições protetoras esclarecem que a proteção animal é essencialmente importante para a vida em sociedade, pois vai além do resgate do animal abandonado. A atuação dos protetores envolve a castração, preparação e encaminhamento de cães e gatos para adoção, conscientização sobre a posse responsável por meio de eventos e palestras, além da movimentação em busca de políticas públicas para o setor.

Os protetores esclarecem, ainda, que o maior problema enfrentado pelos defensores da causa animal é a transferência da responsabilidade. A população também contribui para agravar essas dificuldades, uma vez que algumas pessoas abandonam os animais nas ruas com a intenção de que algum protetor faça o resgate e dê abrigo ao animal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 3 =