Programa de ensino esportivo é retomado em São Gonçalo

Proporcionar um futuro melhor para estudantes da rede municipal de ensino através da prática de esporte. Esse é o objetivo do Programa Forças no Esporte (Profesp), uma vertente do Programa Segundo Tempo, desenvolvido pelo governo federal e realizado pelo ministério da Defesa. Na cidade de São Gonçalo, o programa é realizado pela Marinha do Brasil, para atender a crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social.

O prefeito Capitão Nelson recebeu, na tarde de terça-feira (1º), representantes da Base de Fuzileiros Navais da Ilha das Flores, para restabelecer a parceria do Profesp, que irá viabilizar o transporte dos alunos de escolas municipais atendidas pelo programa até a base militar.

“Toda parceria que venha a beneficiar os alunos de São Gonçalo sempre vai ser de interesse da Prefeitura. Vamos providenciar o transporte para que o programa seja retomado o quanto antes”, disse o prefeito Capitão Nelson.

Suspenso desde março de 2020 por conta da pandemia, o programa será retomado inicialmente na Escola Municipal Visconde de Sepetiba e no Colégio Municipal Presidente Castelo Branco, com prática de esportes para alunos de 12 a 17 anos de idade. A ideia é que, futuramente, o programa seja estendido a outras unidades de ensino.

Por conta das restrições para evitar contágio do coronavírus, práticas esportivas que tenham contato frequente, como as lutas, não serão realizadas neste primeiro momento. Professores civis e militares irão oferecer aulas de futsal, vôlei, handebol e atletismo, nos turnos da manhã e da tarde, de segunda a quinta-feira.

Os alunos que estudam pela manhã participam do projeto na parte da tarde e os alunos que estudam à tarde participam do projeto no período matinal. Os estudantes são acompanhados por um representante da escola até a da Base de Fuzileiros Navais da Ilha das Flores, onde praticam esportes e recebem duas refeições durante o período de quatro horas em que estão na base militar. Café da manhã, almoço e lanche da tarde, conforme o turno em que os alunos estudam.

“A atividade esportiva tira a criança de situações de vulnerabilidade. O tempo que esse jovem ficaria nas ruas, tendo influências negativas como tráfico de drogas nas comunidades, ele está em uma organização militar, sendo instruído, sem tempo para ficar exposto, formando cidadãos”, destacou o Capitão Tenente André Luiz.

Inscrições – Os responsáveis dos alunos que estudam na Escola Municipal Visconde de Sepetiba e no Colégio Municipal Presidente Castelo Branco que tiverem interesse em participar do Programa Forças no Esporte podem procurar a direção das unidades de ensino para realizar a matrícula.

Os alunos que já estavam matriculados no programa antes da pandemia precisam que seus responsáveis realizem a renovação, para que o estudante continue a praticar esportes.

Presente – O prefeito Capitão Nelson recebeu de presente dos representantes da Marinha um medalhão enviado pelo comando da Base de Fuzileiros Navais da Ilha das Flores, uma lembrança da base militar. O presente é uma tradição na Marinha, oferecido em cordialidade e reconhecimento a personalidades ilustres.

Participaram da reunião com o prefeito o Capitão – tenente André Luiz, o Suboficial Assis e o Primeiro – tenente André Oliveira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.