Presidente do Botafogo cobra explicações à CBF sobre trio de arbitragem alagoano

Presidente do Botafogo alega que partida interessa diretamente ao CSA e CRB

O presidente do Botafogo, Durcesio Mello, questionou a CBF sobre arbitragem escalada para a partida do alvinegro contra o Cruzeiro, na noite de terça-feira (12). O dirigente alega que faltou critério na escolha de um trio alagoano, uma vez que as duas equipes do estado que disputam a competição são concorrentes diretas do Glorioso.

“Toda atenção com a escala de arbitragem para o jogo de terça. Cobramos explicações à CBF sobre a escalação de um trio alagoano. Esses critérios de escala precisam ser reavaliados nessa reta final para que se evitem certas interpretações que não são boas para a competição”, escreveu Durcesio em suas redes sociais.

Denis da Silva Serafim será o árbitro da partida e terá como auxiliares Esdras Mariano Albuquerque e Brigida Cirilo Ferreira. O Mineiro Ronei Cândido Alves foi escalado para ser o quarto árbitro e o paulista José Cláudio Filho como árbitro de vídeo.

O Botafogo é o vice-líder da Série B, com 51 pontos. O CRB e o CSA ocupam, respectivamente, a quinta e a sexta posição, com 48 e 45 pontos. A partida contra o Cruzeiro, nesta terça-feira, será no Estádio Independência, às 21h30min, em jogo válido pela 30ª rodada da série B.

Foto: Vítor Silva/Botafogo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze + dezoito =