Presidente da Câmara de Niterói faz balanço da gestão e projeta 2022

Milton Cal espera que os debates sejam de ideias e não de partidos políticos

Natural de Niterói, mais precisamente da Ilha da Conceição, o vereador Milton Carlos da Silva Lopes, o Cal concedeu entrevista ao Jornal A Tribuna e fez um balanço do primeiro ano da nova legislatura e quais são os planos da casa para esse ano.
Com ensino superior completo é formado em Contabilidade. Filiado ao Partido Progressista (PP) foi reeleito para cumprir seu quinto mandato. Eleito no pleito passado com 3.582; retorna agora com 4.320 votos, o sexto vereador mais votado em todo o município de Niterói.

Entre outras funções, já ocupou a Secretaria Municipal de Indústria Naval no governo de Jorge Roberto Silveira, ocasião em que deixou a Casa por quase um ano.
Além de ter tido assento à Mesa Diretora da Câmara como 1º vice-presidente, trabalhou como vice nas comissões permanentes de Fiscalização Financeira, Controle e Orçamento; e membro efetivo em Desenvolvimento Econômico e Indústria Naval. Ele já esteve a frente da Câmara quando o atual vice-prefeito e ex-vereador Paulo Bagueira se ausentou para cumprir um mandado como deputado.

“Em 2021 tivemos muitos debates importantes para a cidade, tivemos os auxílios aos cidadãos e setores mais impactados pelos efeitos da Covid-19. Tivemos um dos maiores desempenhos dos últimos anos, votações recorde e quase 450 projetos de lei”, disse.

Sobre os desafios enfrentados no último ano, de acordo com ele, a Câmara está conectada à cidade e portanto os desafios com a Covid e variantes foram uma das grandes preocupações, já que existe uma necessidade real em se vacinar com as doses necessárias para um aumento na imunização. “A gestão municipal, a Secretaria de Saúde Municipal, os profissionais de saúde, a nossa Guarda Municipal e demais categorias que estiveram de frente na luta contra o Covid são guerreiros e estão fazendo um excelente trabalho em Niterói. Muitas vidas foram salvas”, disse.

Segundo Cal, desde 2019 vem passando um período intenso no legislativo. “Acredito que tudo o que poderíamos ter feito, foi realizado. Trabalhamos arduamente em conjunto com a gestão municipal na luta contra esse vírus que matou milhares de pessoas. Mas sou um eterno insatisfeito e sempre tenho ímpeto de querer fazer mais.Aqui na Câmara eu e meus colegas vereadores continuaremos a trabalhar para manter as conquistas que tivemos em nossa cidade e ampliá-las ainda mais. Mas Niterói não é uma ilha e precisamos em nosso estado de uma gestão competente, fazer o que foi feito em Niterói. Temos ótimos líderes políticos na cidade e precisamos trabalhar em conjunto para conseguirmos mais representantes em Brasília e no Estado, isso contribui positivamente com nosso município. Como disse, Niterói não é uma ilha, por isso temos que buscar cada vez mais sinergia entre os municípios vizinhos, procurar dialogar sobre projetos em conjunto”, completou.

Sobre a eleição para governador que acontece esse ano, Cal acredita que é preciso reerguer o Rio. O estado precisa crescer. Será uma eleição muito difícil. A princípio temos como candidatos o atual governador Cláudio Castro, o pré-candidato pelo PSB Marcelo Freixo e o ex-prefeito de Niterói, Rodrigo Neves. Rodrigo tem uma experiência de gestão “Não tenho dúvida que é um quadro qualificado para o Rio de Janeiro e naturalmente nós torcemos por êxito. Queremos que o Rio de Janeiro volte a crescer, já que tivemos governos anteriores que colocaram o Rio numa crise profunda. Vamos torcer por isso”,disse.

Com relação a nível federal vislumbra o próprio presidente Jair Bolsonaro buscando a reeleição, o ex-presidente Lula, o Ciro Gomes, o governador de São Paulo João Dória “É preciso fazer o Brasil voltar a crescer. Nos últimos anos apresentou números negativos e o povo passando muita dificuldade. Nosso desejo é que a economia cresça, haja geração de mais empregos, a pandemia seja controlada. Será uma eleição difícil. Espero que a democracia, com sabedoria, a disputa eleitoral seja por ideias, nos debates e não na guerrilha. O próximo presidente eleito manter os compromissos sociais. Sou um otimista e acredito que sim. Sou um defensor da democracia, ela é fundamental para a prática da política. Na minha visão, não existe política sem democracia”, finalizou.

Sobre as sessões, ele disse que continuam no mesmo horário às quartas e quintas-feiras, já que acontece o colégio de líderes na terça, porém isso será discutido na primeira reunião de líderes sobre manter ou mudança de horário. “ A condução será da mesma forma, os vereadores debatendo os projetos, onde terão um pequeno expediente de 3 a 5 minutos e o grande expediente de 15 a 20 minutos por ordem de inscrição e chegada. Continuaremos as sessões virtuais devido a questão da pandemia ainda, mas esperamos que não tenhamos muita turbulência. A Câmara é o local do debate, onde se fala independente se é direita ou esquerda. Houve debates mais acalorados, mas é preciso se manter o respeito Tivemos momentos difíceis envolvendo agressões , mas temos uma comissão de ética que faz a análise dos pedidos e julga. Quero ressaltar para que esse ano, tenhamos um debate de ideias, de pensamento independente dos partidos políticos”, concluiu.

Questionado a respeito da percepção da população sobre a imagem da Câmara, Cal acredita que o legislativo tem por natureza ser dinâmico, pois centraliza todos os anseios e demandas da população. “Ao meu ver, é sinal de um legislativo saudável. A Câmara de Niterói é a casa da população de Niterói e estamos sempre atentos em ouvi-los. O trabalho com eficiência deve ser feito e por toda a cidade”, disse.

Segundo ele, a transparência é algo importante para melhorar a imagem dos políticos, principalmente em Niterói. “Hoje na Câmara temos médicos, advogados, contadores, professores exercendo o papel de vereador. O que aumentou o nível dos projetos apresentados. A Câmara está e sempre estará de porta aberta para receber as reclamações. Temos um canal no nosso site e nas redes sociais para aproximar ainda mais o eleitor de Niterói”, comentou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.