Prefeitura proíbe botijões de gás nas praias

Por recomendação do Ministério Público, a Prefeitura de Cabo Frio vai retirar até este sábado todas as barracas que trabalham com botijões de gás nas praias do Forte e do Peró. Também serão proibidos outros produtos inflamáveis e carvão não só nas praias como também nas praças da cidade. A decisão ocorreu após um incêndio ocorrido em uma barraca de pizza, na segunda-feira, na Praia do Forte.

Há 15 dias, comerciantes e moradores do Peró já tinham alertado os secretários de Desenvolvimento da Cidade, Cláudio Bastos, e de Saúde, Roberto Pillar, sobre o risco de acidentes nas barracas que usam botijões de gás na Praia do Peró. Pillar foi alertado sobre o risco à saúde: as barracas na areia vendem até refeições, em condições precárias de higiene. Apesar do alerta, fiscais de posturas e a vigilância sanitária não atuaram na praia e nas praças.

O mesmo alerta foi feita ao comandante do Corpo de Bombeiros de Cabo Frio, coronel Marcelo Fidalgo, pois algumas barracas estavam inclusive em frente aos postos do G-Mar. O coronel repassou o alerta para a fiscalização de posturas, mas o problema continuou.

Somente depois da recomendação do MP, o prefeito Marquinho Mendes publicou o decreto 5.779 determinando a proibição de botijões de gás e outros objetivos perigosos nas praias e nas praças da cidade. O descumprimento da recomendação pode ser denunciado ao MP através do telefone 127 ou no site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *